Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    São Paulo tem madrugada mais abafada do ano

    Temperatura média foi de 23,8º, segundo o CGE; recorde da série histórica ocorreu em 2014

    Onda de calor por São Paulo
    Onda de calor por São Paulo Getty Images

    Da CNN

    A capital paulista enfrentou neste domingo (17) a madrugada mais abafada do ano, com média de 23,8º C, informou o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas de São Paulo (CGE). A cidade apresentou a maior temperatura mínima absoluta, que foi registrada na estação encontrada na subprefeitura da Sé, no centro da capital, onde a temperatura chegou a 26,5º C.

    Até então, a maior temperatura mínima havia sido registrada no sábado (16), com 23,1°C de média e absoluta de 25°C na região de Santo Amaro, na zona sul paulista.

    Segundo informou o CGE à CNN, a madrugada mais abafada da série histórica do CGE, que registra dados desde 2004, continua sendo de 24,3ºC. registrada no dia 4 de fevereiro de 2014.

    Por causa do forte calor, a Defesa Civil de São Paulo está mantendo toda a cidade em estado de alerta para altas temperaturas.

    Março tem sido um mês de muito calor e de poucas chuvas na cidade. Segundo dados do CGE, o mês de março acumulou até agora 71,9 milímetros (mm) de chuva, o que corresponde a apenas 40,3% dos 178,5 mm que são esperados para o mês.

    Para este domingo, a expectativa é de rápida elevação das temperaturas na capital, com a temperatura chegando a 35º C e índice baixo de umidade, em torno de 35%. No final da tarde e início da noite podem ocorrer pancadas isoladas de chuvas.

    Para segunda (18), os termômetros devem variar entre mínima de 24°C e máxima de 33°C. Entre o final da tarde e o início da noite, a propagação de áreas de instabilidade provoca chuvas na forma de pancadas, com pontos de moderada a forte intensidade, raios e rajadas localizadas de vento.

    Com informações de Agência Brasil e de Catarina Nestlehner, da CNN.