Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Terceiro grupo de afetados pelas enchentes no RS volta ao Amazonas

    No domingo (26), total de pessoas que retornarão ao Amazonas deverá chegar a 94

    Grupo de pessoas que estavam no Rio Grande do Sul e voltou ao Amazonas
    Grupo de pessoas que estavam no Rio Grande do Sul e voltou ao Amazonas Divulgação

    Carol Queirozda CNN

    Em Manaus

    O terceiro grupo de amazonenses que moram no Rio Grande do Sul e foram afetadas pelas enchentes chegou a Manaus (AM) na última sexta-feira (24).

    Desta vez 27 pessoas retornaram à capital amazonense em um voo comercial que partiu de Florianópolis (SC). Outros sete passageiros devem chegar no domingo (26). Dessa maneira, um total de 94 pessoas foram realocadas durante toda operação.

    A partida de Florianópolis se deve à interdição dos aeroportos nas localidades afetadas pelas enchentes. Por essa razão, os cidadãos tiveram de se deslocar para a capital de Santa Catarina, de onde embarcaram de volta para Manaus.

    Entre os passageiros do último voo havia estudantes, famílias inteiras e idosos, todos impactados pelas recentes enchentes. Além disso, um cachorro, duas crianças com síndrome de Down e uma representante da tribo Kokama também estavam a bordo. Os passageiros vieram de várias cidades, incluindo Rio Grande, Porto Alegre, Gramado e Passo Fundo.

    Durante 15 dias de operação, cerca de 150 pedidos foram recebidos pela Defesa Civil do Amazonas. Inicialmente, foi realizado o atendimento e levantamento de informações para uma análise detalhada da demanda e da logística necessária. Com base nessa análise e levando em consideração critérios de prioridade, como questões de saúde, crianças e idosos, pessoas com deficiência (PCD), e estudantes isolados, a Defesa Civil deu início ao processo de realocação.

    O primeiro voo de retorno dos amazonenses chegou a Manaus na madrugada do dia 18 de maio, com 34 passageiros, e o segundo voo chegou à tarde, com mais 26 pessoas. Conforme a Defesa Civil do estado, solicitações futuras serão analisadas de acordo com os critérios estabelecidos.