Governador do Rio fala com ministro da Saúde sobre retorno de estádios e escolas

Atualmente quase 80% das UTIs na cidade do Rio de Janeiro estão ocupadas

Basília Rodrigues
Por Basília Rodrigues, CNN  
30 de setembro de 2020 às 10:04 | Atualizado 30 de setembro de 2020 às 11:04
O governador em exercício Cláudio Castro, que assumiu o governo do Rio de Janeiro após o afastamento de Wilson Witzel
Foto: Reprodução/CNN (4.set.2020)

O governador em exercício do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, está em Brasilia nesta quarta-feira para falar com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, sobre o que ele tem chamado de "retomada consciente do Rio". 

Não é o que o estado tem demonstrado em praias e bares. Castro quer falar sobre os impactos do coronavírus em vários setores, como o retorno também de estádios e escolas.

Leia mais:
Internações por Covid-19 voltam a subir no Rio e ocupação de UTIs chega a 79%
Governador interino do Rio anuncia os novos secretários de Educação e Saúde

Atualmente quase 80% das UTIs na cidade do Rio de Janeiro estão ocupadas. Desde que Pazuello assumiu o Ministério, a pasta passou a incentivar o tratamento precoce para evitar que as pessoas necessitem de UTIs. Este tratamento, embora necessite de aval médico, inclui substâncias que não são cientificamente comprovadas, como a hidroxicloroquina.

Castro ainda terá reunião com o ministro do Superior Tribunal de Justiça, Luis Felipe Salomão, e o ministro da Casa Civil, Braga Netto, ex-interventor federal no Rio. A pauta com Braga Netto é infraestrutura.