Liberdade de Opinião: 'Marco Aurélio que será julgado', diz Alexandre Garcia

Sidney Rezende e Alexandre Garcia comentam política no quadro Liberdade de Opinião, da CNN 

Da CNN
14 de outubro de 2020 às 11:02 | Atualizado 14 de outubro de 2020 às 11:20

No quadro Liberdade de Opinião desta quarta-feira (14), Alexandre Garcia comentou a decisão do ministro Marco Aurélio Mello sobre a soltura de André do Rap, chefe da facção criminosa PCC. O jornalista também avaliou quais são as expectativas para a análise do caso, que será feita pelo plenário do Supremo Tribunal Federal (STF). Veja também a participação de Sidney Rezende.

"A minha expectativa é de que o plenário não esteja a julgar um habeas corpus, nem um traficante. Mas vai estar sob escrutínio o ministro Marco Aurélio, ele que vai ser julgado. Foi ele que tomou uma decisão irrevogável: a soltura", avaliou Garcia. 

Leia também:
Entenda o artigo 316 do CPP, citado para justificar soltura de chefe do PCC
Liberdade de Opinião: Garcia e Rezende analisam caso André do Rap no STF
O Grande Debate: Soltura de traficante é problema da lei ou da Justiça?

Alexandre Garcia no quadro Liberdade de Opinião, da CNN
Foto: CNN

O jornalista também analisou a declaração do ex-ministro Sergio Moro, que pediu a revogação da regra utilizada para libertar André do Rap. Garcia também avaliou a atuação do governo federal no combate às chamas no Pantanal.

Por fim, o comentarista também falou sobre a situação das reformas no Brasil e a fala do presidente do Banco Central, Campos Neto, sobre fragilidade fiscal.

O Liberdade de Opinião tem a participação de Sidney Rezende e Alexandre Garcia. O quadro vai ao ar diariamente na CNN.

(Edição: André Rigue)