Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Bolsonaro: ‘Não acredito mais que voto impresso passe na Câmara’

    Decisão da PEC foi adiada na Câmara dos Deputados para o dia 5 de agosto

    Teo Cury, da CNN, em Brasília

    Ouvir notícia

    O presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) disse nesta segunda-feira (19) a apoiadores na saída do Palácio da Alvorada que não acredita mais na aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que torna o voto impresso obrigatório. A comissão criada pela Câmara dos Deputados adiou a decisão para o dia 5 de agosto.

    “A gente faz o possível”, afirmou Bolsonaro após admitir que a proposta não deve ser aceita.

    Essa foi a primeira vez que o presidente declarou a PEC não dever passar na Câmara. A proposta só pode ser aprovada até o início de outubro, um ano antes das eleições presidenciais de 2022.

    Bolsonaro voltou nesta segunda-feira (19) a despachar do Palácio do Planalto, em Brasília, depois de ficar alguns dias internado em São Paulo por uma obstrução intestinal. 

    Presidente Jair Bolsonaro
    Bolsonaro em cerimônia de Apresentação da Tecnologia 5G para o Agro
    Foto: Alan Santos/PR

    Mais Recentes da CNN