Bruno Covas apresenta melhora e vai para leito semi-intensivo

O prefeito licenciado de São Paulo estava internado na Unidade de Terapia Intensiva devido a um sangramento no estômago

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), na cerimônia de posse na Câmara dos Vereadores
O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), na cerimônia de posse na Câmara dos Vereadores Foto: Alex Silva - 1.jan.2021/Estadão Conteúdo

Bruna Macedo e Rafaela Lara, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O prefeito licenciado de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), permanece internado nesta terça-feira (4), mas em leito semi-intensivo. Ele deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) onde estava internado no hospital Sírio Libanês para contenção de um sangramento no estômago. 

A informação foi confirmada nesta terça-feira (4) em coletiva de imprensa realizada pela equipe médica do hospital Sírio Libanês, em São Paulo, que acompanha o tratamento de câncer de Covas desde 2019.

Ao ser transferido para UTI nesta segunda-feira (3), Covas chegou a ser intubado após a detecção do sangramento causado por uma úlcera na região da cárdia – a passagem do esôfago para o estômago.

Licença e tratamento 

Covas anunciou que se afastaria do cargo de prefeito de São Paulo por 30 dias no último domingo (2). Em nota, a prefeitura afirmou que o afastamento foi motivado pelo surgimento de novos focos de câncer do sistema digestivo de Covas.

“Com o surgimento de novos focos, o Prefeito de São Paulo precisará de dedicação integral ao tratamento e entende que não será compatível com as suas responsabilidades e compromisso com a cidade e os paulistanos”, diz o texto.

Em suas redes sociais, o prefeito postou um comunicado dizendo que tem sido “o mais transparente possível com a situação” de sua saúde e agradeceu o apoio recebido.

“Obrigado a todos. O apoio e carinho que recebo é essencial para superar os desafios que venho enfrentando. Com força, foco e fé, venceremos”, disse Covas. Com a licença, o vice Ricardo Nunes assumiu o posto por 30 dias. 

Mais Recentes da CNN