Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Câmara do Deputados vai priorizar projetos relacionados à pandemia

    Para facilitar o entendimento, pautas mais polêmicas - como a reforma administrativa e os projetos de privatização - não serão discutidas neste período

    Fernando Molicada CNN

    Em reunião nesta quarta-feira (24) com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), líderes de partidos concordaram com a proposta de, nos próximos dias, concentrarem esforços na aprovação de medidas relacionadas ao combate da pandemia causada pelo novo coronavírus.

    Para facilitar o entendimento, pautas mais polêmicas – como a reforma administrativa e os projetos de privatização – não serão discutidas nesse período. “Temos que buscar a convergência”, disse Efraim Filho (PB), líder do DEM.

    Plenário da Câmara dos Deputados
    Plenário da Câmara dos Deputados
    Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados (11.fev.2021)

    Nesta tarde, a Câmara vai votar projeto que prevê a criação do Programa Pró-Leitos e possibilita que empresas e pessoas físicas contratem leitos da iniciativa privada para tratamento de pacientes com a Covid-19. As despesas com os leitos – que seriam regulados pelo SUS – poderiam ser abatidas no Imposto de Renda dos contratantes. 

    O PDT, porém, decidiu apresentar emenda que prevê também a utilização de hospitais das Forças Armadas por pacientes civis com Covid-19. 

    Queiroz afirmou ter enviado ao Ministério da Defesa pedido para saber a taxa de utilização dos hospitais das FFAA, que, segundo ele, estaria em até 15%.

    O líder do PDT afirmou que o partido deverá votar a favor do Pró-Leitos, mas defende que os hospitais privados que venham a ser utilizados sejam remunerados com base na tabela SUS.