Caminhoneiros deixam a região da Esplanada dos Ministérios

Veículos estavam no local desde 7 de Setembro em apoio ao governo federal

Da CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Os últimos caminhões que ocupavam a Esplanada dos Ministérios, no Distrito Federal, deixaram o local na tarde desta sexta-feira (10).

Imagens da CNN registraram o momento em que veículos com a bandeira do Brasil saíam do espaço. Eles se reuniram para participar das manifestações favoráveis ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no dia 7 de Setembro e muitos estavam acampados no local desde a véspera do feriado.

O acesso à Praça dos Três Poderes segue restrito e protegido por gradil e policiais militares. A área central da cidade permanece sob monitoramento da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF).

Na quarta-feira (9), o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Joel Ilan Paciornik negou o habeas corpus coletivo solicitado por caminhoneiros que participavam do protesto em Brasília.

Eles pediam que o governo do Distrito Federal não usasse forças policiais para os retirá-los do local até o dia 20 de setembro.

As negociações para retirada dos veículos da Esplanada se iniciaram na tarde de quarta-feira, quando um gabinete de crise foi instalado pelo governo estadual, em conjunto com a SSP-DF, para acompanhar a saída dos caminhoneiros.

Últimos veículos que ocupavam Esplanada dos Ministérios deixam local após nota à nação do presidente Jair Bolsonaro / Reprodução/CNN Brasil (10.set.2021)

Mais Recentes da CNN