CPI da Prevent Senior em SP ouve pacientes e familiares de vítimas da Covid-19

A próxima sessão da comissão parlamentar de inquérito na Câmara Municipal está marcada para quinta-feira (28)

Fachada de hospital da Prevent Senior que é alvo de investigação
Fachada de hospital da Prevent Senior que é alvo de investigação Daniel Teixeira/Estadão Conteúdo

Matheus Meirellesda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

A CPI da Câmara Municipal de São Paulo que apura a conduta da Prevent Senior vai ouvir nesta semana pacientes e familiares de vítimas da Covid-19 que ficaram internados em hospitais da rede.

Estão previstos cinco depoimentos para a próxima quinta-feira (28). Os parlamentares esperam aprofundar a apuração sobre a relação do hospital com os pacientes.

Na semana passada, a CPI ouviu Jorge Venâncio, coordenador da Conep, Comissão Nacional de Ética em Pesquisa, que apontou indícios fortes de fraude científica por parte da operadora, e Bruna Morato, advogada de médicos que realizaram um dossiê sobre a empresa.

Ela entregou centenas de documentos digitalizados à CPI, que foram distribuídos aos vereadores que integram a CPI na última sexta-feira (22).

Nesta semana, os parlamentares devem se reunir para definir se há a necessidade de abertura de mais um dia da semana para realização de depoimentos.

Mais Recentes da CNN