Equipe de Doria faz mapeamento para negociar estados visando apoio em 2022

O objetivo do governador de São Paulo é negociar palanques regionais para as eleições de 2022

Pedro Zanattada CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Após vencer as prévias internas do PSDB e se tornar o candidato do partido para disputar as eleições de 2022, o governador do estado de São Paulo, João Doria, busca fazer, através de sua equipe, um “raio-X” dos estados para poder negociar uma coligação com os partidos com os quais pretende se aliar formalmente. As informações são do analista de política da CNN Caio Junqueira.

Os partidos que o governador pretende se aliar são: Movimento Democrático Brasileiro (MDB), União Brasil e Podemos. Todos eles já possuem pré-candidaturas colocadas. No caso do MDB, a senadora Simone Tebet é o nome escolhido. Já pelo União Brasil, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) é candidato, enquanto o Podemos deve concorrer com o ex-ministro Sergio Moro.

O motivo desse “raio-X” realizado pela equipe do governador é observar, a partir dele, a realidade política estadual. Dessa forma, Doria consegue realizar encontros com os partidos e negociar palanques regionais, que são a base para uma candidatura nacional.

Além das necessidades eleitorais, o governador tem outros objetivos imediatos. Um deles é construir uma unidade interna no PSDB e uma aproximação com a bancada federal do partido, já que esta é próxima do deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG), adversário político de Doria.

Mais Recentes da CNN