Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Nosso papel é ficar preparado para um incidente diplomático, diz ministro da Defesa sobre crise entre Venezuela e Guiana

    José Múcio Monteiro fez declaração durante homenagem a atletas que disputaram os Jogos Pan-Americanos

    Rodrigo Monteiroda CNN

    Rio de Janeiro

    O ministro da Defesa, José Múcio Monteiro, disse, neste sábado (9), que a crise envolvendo a Venezuela e a Guiana é um “problema diplomático”.

    Na última terça-feira (5), o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, determinou a criação da Guiana Essequiba, que abrange parte do território da Guiana.

    Por causa da tensão na região, a Defesa brasileira reforçou sua presença em Roraima, na fronteira com a região envolvida.

    “Evidentemente que o nosso papel na Defesa é ficar preparado, vamos dizer assim, para um incidente diplomático”, disse Múcio.

    Evidentemente que nós damos mais atenção onde existe maior foco de preocupação. Nós estamos com as nossas Forças para preservar as nossas fronteiras. Não é para se meter em confusão de ninguém.

    José Múcio Monteiro

    Múcio disse esperar que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) interceda “para que haja um diálogo e para que nós não tenhamos aqui um grande problema, que não é do nosso temperamento nem somos preparados para isso”.

    De acordo com o ministro, o Brasil é “professor” em resolver questões com a crise entre os vizinhos “no melhor campo de batalha que existe, que é uma mesa de diálogo”.

    Múcio participou, neste sábado (9), de uma homenagem a atletas brasileiros que atuaram nos Jogos Pan-Americanos, realizados no Chile entre o fim de outubro e o começo de novembro.