Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Número de ministérios no governo Lula é maior do que de Cuba e Venezuela

    Atual formação da Esplanada tem 37 pastas, 60% a mais durante a gestão de Jair Bolsonaro (PL)

    Lula e Alckmin com todos os ministros empossados no dia 1º de janeiro de 2023
    Lula e Alckmin com todos os ministros empossados no dia 1º de janeiro de 2023 Ricardo Stuckert/Divulgação

    Gabriel Fernedada CNN

    em São Paulo

    Com 37 ministérios, o governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) superou o número de pastas de Cuba e Venezuela, países historicamente próximos do PT.

    Todos os novos ministros de Lula tomaram posse no dia 2 de janeiro.

    Com a configuração atual, a Esplanada sob o governo Lula tem 37 pastas – 60% a mais do que na gestão do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), que tinha 23.

    O governo de Miguel Díaz-Canel, presidente da ilha localizada na América Central e membro do Partido Comunista de Cuba, conta com 24 ministérios, enquanto a Venezuela tem 33 pastas com Nicolás Maduro como presidente.

    Além de tradicionais ministérios como Relações Exteriores, Educação e Saúde, Cuba e Venezuela possuem algumas pastas que não possuem um similar no Brasil.

    Em Cuba, por exemplo, existem os ministérios da Construção, de Recursos Hidráulicos e da Indústria Alimentícia.

    Já na Venezuela existem as pastas de Habitat e Habitação, do Petróleo e do Ecossocialismo. O governo Lula restabeleceu relações diplomáticas totais com a Venezuela desde domingo (1º), com a posse do petista.

    Mauro Vieira, novo ministro das Relações Exteriores, prometeu enviar logo nestes primeiros dias de governo diplomatas ao país vizinho para reabrir a embaixada brasileira em Caracas.

    A proximidade de Lula com a ditadura cubana e com o regime de Nicolás Maduro foi explorada e criticada pelo então candidato à reeleição Jair Bolsonaro ao longo da campanha eleitoral do ano passado.

    Veja os nomes de todos os ministros do governo Lula:

    • Fernando Haddad (PT) – Ministério da Fazenda
    • Flávio Dino (PSB) – Ministério da Justiça
    • José Múcio Monteiro – Ministério da Defesa
    • Mauro Vieira – Ministério das Relações Exteriores (Itamaraty)
    • Rui Costa (PT) – Casa Civil
    • Alexandre Padilha (PT) – Secretaria de Relações Institucionais
    • Márcio Macedo (PT) – Secretaria-Geral da Presidência da República
    • Jorge Messias – Advocacia-Geral da União (AGU)
    • Nísia Trindade – Ministério da Saúde
    • Camilo Santana (PT) – Ministério da Educação
    • Esther Dweck – Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos
    • Márcio França (PSB) – Ministério de Portos e Aeroportos
    • Luciana Santos (PCdoB) – Ministério da Ciência e Tecnologia
    • Cida Gonçalves (PT) – Ministério das Mulheres
    • Wellington Dias (PT) – Ministério do Desenvolvimento Social
    • Margareth Menezes – Ministério da Cultura
    • Luiz Marinho (PT) – Ministério do Trabalho
    • Anielle Franco – Ministério da Igualdade Racial
    • Silvio Almeida – Ministério dos Direitos Humanos
    • Geraldo Alckmin (PSB) – Ministério da Indústria e Comércio
    • Vinícius Carvalho – Controladoria-Geral da União (CGU)
    • Gonçalves Dias – Gabinete de Segurança Institucional (GSI)
    • Paulo Pimenta (PT) – Secretaria de Comunicação (Secom)
    • Carlos Fávaro (PSD) – Ministério da Agricultura
    • Waldez Góes (PDT*) – Ministério da Integração
    • André de Paula (PSD) – Ministério da Pesca
    • Carlos Lupi (PDT) – Ministério da Previdência
    • Jader Filho (MDB) – Ministério das Cidades
    • Juscelino Filho (União Brasil) – Ministério das Comunicações
    • Alexandre Silveira (PSD) – Ministério de Minas e Energia
    • Paulo Teixeira (PT) – Ministério do Desenvolvimento Agrário
    • Ana Moser – Ministério do Esporte
    • Marina Silva (Rede) – Ministério do Meio Ambiente
    • Simone Tebet (MDB) – Ministério do Planejamento
    • Daniela Souza Carneiro [Daniela do Waguinho] (União Brasil) – Ministério do Turismo
    • Sonia Guajajara (PSOL) – Ministério dos Povos Indígenas
    • Renan Filho (MDB) – Ministério dos Transportes