Pacheco começa a montar equipe para programa de governo

Presidente do Senado já convidou duas pessoas para compor a sua equipe na campanha presidencial de 2022

Caio Junqueira

Ouvir notícia

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), começou a montar uma equipe para ajudá-lo a estruturar um programa de governo para uma eventual candidatura sua à Presidência da República.

Dois nomes já foram contatados e aceitaram: o ex-ministro da Agricultura Roberto Rodrigues e o professor catedrático do instituto de estudos avançados da USP de Ribeirão Preto, Mozart Neves Ramos.

“Estamos iniciando agora um processo de criação de um grupo de trabalho para fazer um plano de governo. O Rodrigo convidou o Roberto Rodrigues, que aceitou. E tem discutido muito com Mozart Ramos a questão da educação”, disse à CNN o presidente do PSD, Gilberto Kassab.

Rodrigues foi ministro da Agricultura no governo Lula, enquanto Mozart chegou a ser cogitado para o Ministério da Educação no início do governo Bolsonaro. O partido vai começar também a sondar economistas para atuarem no grupo.

A ideia é que até janeiro o grupo seja ampliado e comece a se reunir para que um programa seja apresentado.

Procurados, os dois confirmaram o convite. “Ele perguntou se eu ajudaria. Respondi que ajudarei todo candidato que me pedir projeto para o agro, independentemente de partido. E mais: meu compromisso é com o agro, oferecerei o mesmo programa a todos que me procurarem”, disse Roberto Rodrigues.

Mozart Ramos também falou à CNN, “ele (Rodrigo Pacheco) me convidou sim. Não sou filiado a nenhum Partido e sempre procuro ajudar quando o assunto é melhorar a educação brasileira”, disse.

Mais Recentes da CNN