Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Eleições 2022

    País dividido gera consequências danosas à democracia, diz João Azevêdo

    Governador reeleito da Paraíba afirma ser necessário “reunificar país que está muito dividido”

    Da CNN

    Governador reeleito da Paraíba, João Azevêdo (PSB) afirmou nesta segunda-feira (31), em entrevista ao Live CNN, que o cenário de polarização da população brasileira não beneficia nenhum estado e gera consequências danosas à democracia.

    “A eleição acabou. Agora nós vamos ter que cuidar, no nosso caso da Paraíba, e o presidente [Luiz Inácio] Lula [da Silva, do PT] cuidar do Brasil para reunificar esse país que está muito dividido, extremamente dividido, e que gera consequências muito danosas para o nosso processo democrático”, afirmou Azevêdo.

    Para o governador, a polarização que, segundo ele, dividiu o país e o seu estado, “não traz benefício nenhum”. Azevêdo se comprometeu a governar para todos os paraibanos.

     

     

    Segundo ele, seu objetivo no segundo mandato à frente do Executivo estadual será focado em gerar empregos à população.

    Neste domingo (30), Azevêdo conquistou 52,51% dos votos válidos no segundo turno da eleição estadual contra o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB), que teve 47,49%, e comandará o estado por mais quatro anos.

    *Publicado por Daniel Reis