Presidente quer um nível de controle inédito das Forças Armadas, diz professor

"Militares tem sua própria forma própria de pressionar o sistema político, e não é bom que isso aconteça para a democracia brasileira,” diz Leonardo Avritzer

Produzido por Juliana Alves, da CNN São Paulo

Ouvir notícia

Segundo Leonardo Avritzer, professor titular em Ciência Política da UFMG (Universidade Federal da Minas Gerais), a troca de comando nas Forças Armadas por Jair Bolsonaro desgastou o presidente ao exigir um nível de controle dos militares inédito desde a redemocratização.

“O presidente saiu desgastado pela forma que fez a troca, ele pagou um custo alto pela mudança inédita. Bolsonaro exige que a última palavra seja dele, então temos um  problema sério em que o presidente quer ter um nível de controle das Forças Armadas que nenhum presidente teve desde a redemocratização.”

 

Avritzer também comentou sobre o papel dos militares na política brasileira e citou que este movimento não é bom para a democracia brasileira.

“O Brasil tem militares autônomos do sistema político falando de política. Ele tem sua própria forma própria de pressionar o sistema político, e não é bom que isso aconteça para a democracia brasileira.”

Jair Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro, durante transmissão ao vivo nas redes sociais
Foto: Reprodução / YouTube Jair Bolsonaro

 

Mais Recentes da CNN