Rezende: Discurso de Bolsonaro não é ‘maluquice’, eleição está chegando

Sidney Rezende repercute falas do presidente da República no quadro Liberdade de Opinião desta quarta-feira (11)

Da CNN

Ouvir notícia

No quadro Liberdade de Opinião desta quarta-feira (11), Sidney Rezende repercutiu as declarações do presidente Jair Bolsonaro. A apoiadores, ele disse que a pandemia causada pelo novo coronavírus foi superestimada e o Brasil precisa “deixar de ser um país de maricas”.

“Bolsonaro não está fazendo isso de maluquice, a eleição está chegando. Com isso [falas polêmicas], ele joga a rede mais agressiva, mais conservadora, puxa e nessa rede vêm seus peixes: aqueles que votam, simpatizam e são conservadores como ele. E ele une a tropa, podendo soltar os peixes para nadarem no mar livremente ou segurá-los para tomar outro destino. Mas o que ele quer é que seus candidatos sejam bem votados e eleitos, e que seu eleitor diga que o presidente está certo. Chamar a imprensa de urubuzuda, o povo de maricas e insinuar guerra é bem estapafúrdio, mas é de olho na eleição.”

Leia também:
“A pandemia foi superdimensionada”, diz Bolsonaro
‘Lamentamos pelas mortes de Covid, de câncer, de pneumonia’, diz Bolsonaro
Bolsonaro critica proposta de Biden sobre Amazônia: “só diplomacia não dá”

O Liberdade de Opinião tem a participação de Sidney Rezende e Alexandre Garcia. O quadro vai ao ar diariamente na CNN.

(Edição: André Rigue)

Mais Recentes da CNN