Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Secretaria de Enfrentamento à Covid: governo nomeia substituta de Luana Araújo

    Cargo será ocupado pela médica Rosana Leite de Melo, que dirigia o Hospital Regional de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul

    Murillo Ferrari, da CNN, em São Paulo

    O ministro-chefe da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, nomeou nesta quinta-feira (17) a médica Rosana Leite de Melo para o cargo de secretária Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 do Ministério da Saúde

    Ela era diretora do Hospital Regional de Campo Grande (HRMS), no Mato Grosso do Sul, e ocupará o cargo que, anteriormente, seria de Luana Araújo – infectologista que ficou 10 dias no governo, mas não foi oficializada para a vaga.

    A nomeação de Rosana foi publicada pelo governo no Diário Oficial da União desta quinta-feira (17). Ela é a terceira escolhida para a pasta – além de Luana, Queiroga chegou a anunciar Francieli Fantinato para a vaga, mas mudou de ideia de preferiu deixá-la à frente do Plano Nacional de Imunizações (PNI).

    Na quarta-feira (16), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, havia indicado que anunciaria o nome da nova titular da secretaria nesta quinta

    Fontes do Ministério da Saúde disseram à CNN que o novo nome seria de fora da pasta e também foi analisado pelo Palácio do Planalto nesta semana. Já Queiroga disse que se tratava de uma pessoa técnica.

    A Secretaria Extraordinária foi criada em maio e será responsável por diretrizes nacionais e ações de implementação das políticas de saúde para o enfrentamento à Covid-19, além de definir e coordenar as ações do plano de vacinação contra o novo coronavírus.

    Rosana Melo era diretora do Hospital Regional de Campo Grande desde novembro de 2019. A instituição é o principal centro de referência no tratamento de pacientes com Covid-19 no estado.

    Ela é servidora federal desde 2003 e, em 2014, foi nomeada professora do curso de Medicina da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Foi também diretora da divisão de Desenvolvimento na Educação em Saúde do Ministério da Educação (MEC), em 2017, e Coordenadora-geral de Residências em Saúde até agosto de 2019.

    A médica se reuniu em Brasília, na quarta-feira (9), com Queiroga e com Secretário de Atenção Especializada à Saúde, Sérgio Yoshimasa Okane, para discutir questões do enfrentamento da Covid-19 e suas repercussões.

    “Viemos pedir ao ministro auxilio com nossas demandas, e ele se mostrou sensível ao momento crítico que o HRMS e nosso estado passa. Mostramos que sempre estivemos a frente em questões administrativas com nosso planejamento, com empenhos, contratos e processos de compras, mas infelizmente a pandemia age de forma significativa, também, na aquisição de medicamentos e insumos. O Ministro se mostrou partícipe e envidará seus melhores esforços para Mato Grosso do Sul”, disse Rosana Leite, em declarações ao site do hospital que diriga.