Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Veja quem são os candidatos a vice-presidente da República

    Entre os nomes escolhidos para compor as chapas, “puro-sangue” ou em coligações, estão candidatos de dentro e de fora da política

    Marcello SapioGabriela Ghiraldellida CNN

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    Os partidos políticos tinham até o dia 5 de agosto para definir seus candidatos a presidente e a vice. O primeiro turno das eleições está marcado para 2 de outubro.

    Entre os nomes escolhidos para compor as chapas, “puro-sangue” ou em coligações, estão candidatos de dentro e de fora da política.

    O vice-presidente eleito não tem uma “função” ou responsabilidade oficial além de substituir o presidente em caso de ausência. Quando o vice assume, ele pode assinar decretos e sancionar leis.

    Veja abaixo quem são os candidatos a vice nas eleições presidenciais.

    Geraldo Alckmin (PSB), vice de Luiz Inácio Lula da Silva (PT)

    Aos 69 anos, Alckmin foi governador de São Paulo por quatro mandatos, sendo que em 2001, assumiu o posto após a morte de Mário Covas. Eleito em 2002, cumpriu mais dois mandatos entre 2011 e 2018.

    Nesse meio tempo, concorreu à Presidência em 2006, contra o próprio Lula, que foi eleito naquele ano. Também disputou o cargo em 2018 pelo PSDB, e ficou em quarto lugar. Em 2022, saiu do partido e filiou-se ao PSB para formar chapa com Lula.

    Alckmin foi vereador e prefeito de Pindamonhangaba, além de deputado estadual e federal por São Paulo.

    Walter Braga Netto (PL), vice de Jair Bolsonaro (PL)

    General do Exército, Braga Netto, de 65 anos, é o vice de Bolsonaro em uma chapa puro-sangue. Durante o atual governo, foi ministro-chefe da Casa Civil e ministro da Defesa.

    Antes de entrar para a política, atuou como interventor federal no Rio de Janeiro durante o governo do presidente Michel Temer (MDB).

    Ana Paula Matos (PDT), vice de Ciro Gomes (PDT)

    Nascida em Salvador, Ana Paula Matos, de 44 anos, é advogada, professora, mestre em administração e servidora concursada da Petrobras. Ela foi anunciada como vice de Ciro no último dia das convenções partidárias para também formar uma chapa puro-sangue.

    Na Prefeitura de Salvador, antes de ser eleita na chapa com o prefeito Bruno Reis (União Brasil), em 2018, atuou como presidente do instituto de previdência municipal, secretária de Promoção Social e Combate à Pobreza e secretária de Governo.

    Mara Gabrilli (PSDB), vice de Simone Tebet (MDB)

    Tebet formou uma chapa 100% feminina ao escolher para o cargo de vice a também senadora Mara Gabrilli, de 54 anos. Tetraplégica por conta de um acidente de carro sofrido quando tinha 21 anos, Gabrilli milita em prol dos direitos das pessoas com deficiência, o que lhe rendeu um cargo no Comitê sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência da Organização das Nações Unidas (ONU). Ela é a única representante brasileira no órgão.

    Mara Gabrilli também foi vereadora por São Paulo e deputada federal por duas vezes. Seu mandato no Senado acaba em 2027.

    Fátima Pérola Neggra (Pros), vice de Pablo Marçal (Pros)

    Fátima Pérola Neggra, 52 anos, foi a escolhida para integrar a campanha do coach Pablo Marçal. Ela é de Iporã (PR), mas tem base em Mauá, na região metropolitana de São Paulo, e trabalha como cabo na Polícia Militar.

    Tiago Mitraud (Novo), vice de Felipe d’Avila (Novo)

    Com 35 anos, o administrador Tiago Mitraud é o vice na chapa do cientista político Felipe d’Avila. Em 2018, Mitraud foi eleito por Minas Gerais para o seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados.

    Marcos Cintra (União Brasil), vice de Soraya Thronicke (União Brasil)

    Para o posto de vice da chapa de Soraya, o escolhido é o economista Marcos Cintra, de 76 anos. Ele foi vereador e deputado federal por São Paulo. No início do governo Jair Bolsonaro, ocupou o cargo de secretário da Receita Federal. Em 2000, candidatou-se à Prefeitura de São Paulo. Já foi filiado a vários partidos, entre eles o PL.

    Samara Martins (UP), vice de Leonardo Péricles (UP)

    Mineira estabelecida em Natal (RN), Samara Martins, da Unidade Popular, tem 34 anos, é dentista e militante de movimentos sociais, como o Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB) e do Movimento de Mulheres Olga Benário.

    Antonio Alves (PCB), vice de Sofia Manzano (PCB)

    Alves é jornalista, pernambucano do Recife e tem 43 anos. Militante de movimentos sociais, mora em Teresina e trabalha no Sindicato dos Trabalhadores dos Correios do Piauí.

    Raquel Tremembé (Kunã Yporã) (PSTU), vice de Vera Lúcia (PSTU)

    Outra chapa 100% feminina é a do PSTU, formada por Vera Lúcia e Raquel Tremembé. Indígena da tribo Tremembé, do Maranhão, ela é educadora popular e integrante da Secretaria Executiva Nacional do Centro Sindical Popular (CSP-Conlutas).

    João Barbosa Bravo (DC), vice de José Maria Eymael (DC)

    O economista João Barbosa Bravo foi escolhido como vice de Eymael na convenção do Democracia Cristã. Professor universitário, ele foi prefeito de São Gonçalo, segundo maior município do Rio de Janeiro, entre 1993 e 1996, então pelo PDT.

    Kelmon Souza (PTB), vice de Roberto Jefferson (PTB)

    Padre ortodoxo, Kelmon Souza se classifica como “conservador de direita”. Apoiador de Bolsonaro, chegou a discursar em manifestações de apoio ao presidente.

    Debate

    As emissoras CNN e SBT, o jornal O Estado de S. Paulo, a revista Veja, o portal Terra e a rádio NovaBrasilFM formaram um pool para realizar o debate entre os candidatos à Presidência da República, que acontecerá no dia 24 de setembro.

    O debate será transmitido ao vivo pela CNN na TV e por nossas plataformas digitais.

     

    Mais Recentes da CNN