Waack: Resistência do Planalto à vacinação de crianças é irracional

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu, na quinta-feira (16), aprovar a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19 com o imunizante da Pfizer

Fernanda Pinottida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

No quadro CNN Poder desta sexta-feira (17), na CNN Rádio, William Waack analisou a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), dessa quinta-feira (16), de aprovar a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19 com o imunizante da Pfizer.

Para Waack, a situação se mostra grave quando um órgão público da saúde, como a Anvisa, se pronuncia sobre a importância fundamental de vacinar as crianças e enfrenta resistência de dentro do Palácio do Planalto.

“A resistência do Planalto contra a vacinação de crianças é irracional, baseada em crença”, de acordo com o âncora da CNN.

Waack ainda destaca que o material com o qual a Anvisa sustenta sua decisão traz um dado importante: a Covid-19 matou mais crianças no Brasil do que todas as outras doenças do calendário de vacinação infantil somadas.

Mais Recentes da CNN