Mundo bate recorde de casos de Covid-19 pelo 3º dia seguido


Henrique Andrade*, da CNN, em São Paulo
17 de outubro de 2020 às 13:12
Homem de máscara para prevenir contágio pelo novo coronavírus em Lisboa, capital

Homem de máscara caminha em Lisboa, capital de Portugal: país contabilizou 2.608 novos casos de Covid-19 na sexta-feira (16), maior número desde o início da pandemia

Foto: Rafael Marchante/Reuters

Nesta sexta-feira (16), o mundo registrou 411.337 novos casos de Covid-19, segundo a plataforma de acompanhamento da Universidade Johns Hopkins. A atualização foi feita neste sábado (17).

O número é o maior já registrado desde o início da pandemia e renova o recorde de novas infecções pelo terceiro dia consecutivo.

Na quarta-feira (14), a plataforma registrou 380 mil novos casos em todo o mundo, superando o antigo recorde de 361 mil casos diários contabilizados em 24 de setembro.

Um dia depois, na quinta-feira (15), o número superou a marca de 400 mil pela primeira vez, contabilizando 406 mil em 24 horas.

Já o número de mortes pelo novo coronavírus está abaixo dos níveis recordes já registrados. Segundo a plataforma, 6.000 pessoas em todo o mundo morreram em decorrência da doença nesta sexta-feira (16), número menor do que os 10 mil contabilizados em 14 de agosto.

No total, são 39.421.733 casos em todo o mundo — e mais de 1,1 milhão de mortes. Estados Unidos (8.054.067 casos e 218.625 mortes), Índia (7.432.680 casos e 112.998 mortes) e Brasil (5.200.300 casos e 153.214 mortes) são os três países que lideram ambas as estatísticas.

Leia também:

Brasileiros confiam menos em vacina da China do que nas de outros países

Você pode ser infectado com Covid-19 duas vezes? A resposta não é simples

Novo estudo reafirma risco baixo de se pegar Covid-19 em avião (usando máscara)

 

Segunda onda

O que poderia explicar os novos recordes de registros diários é a segunda onda do novo coronavírus na Europa. 

Nesta semana, diversos países do continente bateram recordes de casos diários. Portugal, na sexta-feira (16), contabilizou 2.608 novas infecções, maior número desde o início da pandemia. Já a Holanda e a Itália renovaram seus recordes justamente nas últimas 24 horas, com 8.114 e 10.925 novos casos, respectivamente.

Portugal registrou até este sábado (17) 98.055 casos e 2.162 mortes, enquanto a Holanda tem 225.935 casos e 6.794 mortes, e a Itália, 391.611 casos e 36.427 mortes. 

(*Com supervisão de Giovanna Bronze)