Estado do Rio precisa receber 165 mil doses de Coronavac para segunda aplicação

Municípios retomam hoje aplicação da segunda dose do imunizante

*Elis Barreto, da CNN, no Rio de Janeiro
15 de maio de 2021 às 15:08
Caixa com doses da Coronavac, vacina distribuída pelo Instituto Butantan
Caixa com doses da Coronavac, vacina distribuída pelo Instituto Butantan contra o coronavírus
Foto: Marlon Costa/Futura Press/Estadão Conteúdo

 O estado do Rio de Janeiro possui 165,7 mil pessoas pendentes para tomar a segunda dose da Coronavac.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, os 92 municípios responderam a um ofício enviado pela pasta, questionando o número de doses que seria necessária para aplicação em pessoas com a segunda dose atrasada e pessoas com o intervalo correto.

Em nota, a Secretaria informou que a planilha foi repassada ao Ministério da Saúde para que as doses sejam enviadas municípios.

"Em reunião com a direção do Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems), ficou definido que as doses de Coronavac que chegarem ao estado serão enviadas aos municípios que informaram estar em déficit.

Dessa forma, os imunizantes foram distribuídos de forma equânime e proporcional, de acordo com o total informado por cada Secretaria municipal de Saúde.", finalizou.

A CNN apurou que, até esta quinta-feira (13), eram pelo menos 79 mil pessoas com a segunda dose da Coronavac atrasada em todo o estado do Rio. A aplicação da segunda dose da Coronavac já está sendo retomada no estado do Rio de Janeiro.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, todos os 92 municípios já receberam os lotes com os imunizantes feitos no Instituto Butantan. No município de Nilópolis, na Baixada Fluminense, a CNN recebeu registros de filas e reclamações por falta do imunizante.

Segundo pessoas no local, os postos de vacinação receberam menos doses que o necessário, o que gerou indignação na população. Em nota, a prefeitura informou que recebeu, na última sexta-feira (16), 2.300 doses, e que estão sendo destinadas às pessoas que tomaram a primeira dose até o dia 10 de abril.

"Hoje pela manhã, também chegou uma nova remessa com 1.200 doses de Coronavac, que também aplicaremos durante o fim de semana. Ainda com estas remessas, as doses são insuficientes para vacinar o quantitativo deficitário no município (com as novas doses, ainda em torno de 3.000) de modo que estão sendo distribuídas senhas nos quatro pontos de vacinação da cidade, com a previsão de se esgotarem hoje, as doses que chegaram ontem", finaliza a nota.

No município de Nova Iguaçu, também na Baixada Fluminense, a secretaria municipal de saúde marcou para segunda-feira (17) a retomada da vacinação com a Coronavac.

*Sob supervisão de Ana Lícia Soares