Ministério da Saúde confirma cepa originária na Índia no Rio

Paciente infectado com coronavirus em Campos dos Goytacazes, no Rio, está contaminado com a variante do vírus originária da Índia

Caio Junqueira
Por Caio Junqueira, CNN  
26 de maio de 2021 às 16:41 | Atualizado 26 de maio de 2021 às 16:45
Enfermeira prepara dose de vacina contra o coronavírus em Manaus
Enfermeira prepara dose de vacina contra o coronavírus
Foto: Sandro Pereira/Fotoarena/Estadão Conteúdo

 O Ministério da Saúde confirmou à CNN que um paciente infectado com coronavirus em Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, está contaminado com a variante originária da Índia do vírus.

A confirmação saiu na tarde desta quarta-feira (26) após conclusão dos exames de sequenciamento genético do paciente.

Caso de Campos do Goytacazes

O caso identificado agora pelo ministério havia sido confirmado mais cedo pelo Instituto Adolfo Lutz, da Secretaria da Saúde de São Paulo. 

A infecção pela variante B.1.617.2 foi identificada em um homem de 32 anos que desembarcou no Aeroporto Internacional de Guarulhos no último sábado (22) e mora em Campos dos Goytacazes. 

No último sábado (22), o homem realizou um teste ainda em Guarulhos, que confirmou a infecção pelo coronavírus. De acordo com o Instituto Adolfo Lutz, o caso positivo para Covid-19 foi informado quando o passageiro já havia embarcado em voo doméstico para o Rio de Janeiro.