Variante Delta é um problema até em países com vacinação avançada, diz Nicolelis

Neurocientista disse também que rechaça medidas de afrouxamento do isolamento social no Brasil no momento

Produzido por Júlia Carvalho*, da CNN, em São Paulo
08 de julho de 2021 às 21:55

Um estudo publicado na revista científica "Nature" mostrou que as vacinas da AstraZeneca e Pfizer são capazes de neutralizar a variante delta da Covid-19 após a aplicação de duas doses. Apesar da boa notícia, o médico e neurocientista Miguel Nicolelis disse que a nova cepa ainda é um problema para o mundo mesmo em países com a vacinação avançada.

“A questão central no momento é porque a variante Delta cria problemas no mundo mesmo em países com mais da metade da população vacinada com a primeira dose, caso dos Estados Unidos e o Reino Unido", disse Nicolelis, que rechaça medidas de afrouxamento do isolamento social no Brasil.

“Tivemos queda de casos nos últimos sete ou oito dias, mas nossa média móvel atual é equivalente a do pico da primeira onda no Brasil, em 28 de julho de 2020, e nossa média de mortes diárias ainda é a maior do mundo” disse o neurocientista.

“Na minha opinião não era hora de abrir escolas nem de marcar carnaval. Isso gera dois trabalhos, você marca e remarca, criando decepção. Se aceitarmos a tese de que a transmissão comunitária da variante Delta já existe no Brasil, temos que manter uso de máscaras, continuar reduzindo aglomerações e tentar aumentar o nível de vacinação no país.”

(*sob supervisão de Elis Franco)

Miguel Nicolelis
Foto: CNN/Reprodução