Cidade do Rio de Janeiro registra cerca de 30 mil casos de Covid-19 em 24 horas

Prefeitura da capital fluminense testou 107 mil pessoas; número de contaminados é recorde na cidade pelo quinto dia consecutivo

Posto de testagem para a Covid-19 no Centro Municipal de Saúde Manoel José Ferreira, Zona Sul do Rio de Janeiro
Posto de testagem para a Covid-19 no Centro Municipal de Saúde Manoel José Ferreira, Zona Sul do Rio de Janeiro Tomaz Silva/Agência Brasil

Isabelle ResendeAnelise Infanteda CNN

no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

O Rio de Janeiro continua registrando recordes de casos de Covid-19. Dos mais de 107 mil testes realizados neste sábado (15), praticamente um terço, cerca 30 mil pessoas, estão contaminadas.

Os 14 postos de testagem do município têm atendido, a cada dia, mais de 100 mil pessoas. No total são 60.823 casos confirmados, incluindo 221 considerados graves. O secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, disse à CNN que os dados registram apenas os testes feitos nos centros públicos da capital, sem contar os exames das redes privadas.

Além disso, os dados estão represados. A atualização no sistema online só será feita na próxima segunda-feira (17).

A Secretaria Municipal de Saúde atribui a testagem massiva aos crescentes números registrados na cidade do Rio. O número de pacientes internados também aumentou. Até a tarde deste sábado (15), 435 pessoas estavam hospitalizadas por diagnóstico de Covid-19.

A prefeitura carioca registrou neste sábado uma morte causada pela doença. A vítima era uma idosa de 82 anos. Com este, já são 19 óbitos no município desde o início do ano provocados pela infecção pelo novo coronavírus.

Neste momento, a fila de espera de leitos no município tem 19 pessoas. Na semana passada, a Secretaria de Saúde solicitou ao Ministério da Saúde a reativação de 400 leitos de hospitais federais e aguarda um retorno. A taxa de ocupação na cidade está em 59%.

Mais Recentes da CNN