Fibras, vitamina B e mais: conheça os benefícios do abacate para a saúde

Fruta é uma ótima fonte de nutrientes e pode ajudar a reduzir o colesterol

Foto: Getty Images (Westend61)

Megan Marples, CNN

Ouvir notícia

O abacate se tornou um alimento cada vez mais popular nos últimos anos. As pessoas misturam a fruta cremosa em seus shakes, cortam em camadas e colocam sobre torradas.

A fruta tornou-se um verdadeiro alimento básico nas cozinhas de todo o mundo – e por boas razões. O abacate oferece uma variedade de benefícios à saúde e é um ingrediente versátil para cozinhar, segundo Lisa Drayer, consultora de nutrição da CNN.

Ela usa a fruta gordurosa em sopas, molhos e até trufas de chocolate. Dependendo de como você prepara, o abacate pode ser um excelente substituto da gordura que não fará com que suas sobremesas tenham gosto de abacate, observou ela.

Eles estão repletos de nutrientes e podem ser parte de uma dieta equilibrada. Confira quatro benefícios do abacate para a saúde:

1. Eles são uma grande fonte de potássio

Uma porção de 100 gramas de abacate contém 485 miligramas de potássio, de acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos. Em comparação, uma banana tem 358 miligramas de potássio por 100 gramas.

O mineral ajuda a regular o sistema nervoso e mover os nutrientes para as células enquanto elimina os resíduos, de acordo com a Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos.

O potássio também atua no combate à hipertensão, de acordo com a American Heart Association. Altos níveis de sódio podem aumentar a pressão arterial, segundo os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, e o potássio permite que mais sódio seja eliminado do corpo através da urina. Isso, por sua vez, reduz nossa pressão arterial, disse a American Heart Association.

2. Eles estão cheios de gorduras monoinsaturadas

Gorduras monoinsaturadas são moléculas de gordura com uma ligação de carbono insaturada, segundo Drayer. Em termos simples, é uma gordura insaturada que atua na redução do colesterol LDL sem afetar o colesterol bom (HDL), acrescentou ela.

Quando você tem muito colesterol LDL, ele endurece ao longo das bordas das artérias, o que faz com que elas fiquem estreitas, de acordo com a Mayo Clinic. Isso reduz o fluxo sanguíneo através das artérias, o que pode causar coágulos sanguíneos e outras complicações médicas.

3. Eles também são ricos em fibras

Os abacates têm quase 7 gramas de fibra por 100 gramas, de acordo com o USDA.

Alimentos com mais fibras tendem a manter a saciedade por mais tempo do que os alimentos com baixo teor de fibras, segundo a Mayo Clinic. Isso torna o abacate uma ótima escolha para quem está de olho no peso, de acordo com a Mayo Clinic.

4. Os abacates são ricos em vitamina B

A fruta gordurosa é rica em folato, com 81 microgramas por 100 gramas de abacate, de acordo com o USDA. O folato é uma vitamina B importante para o funcionamento adequado do cérebro e gestações saudáveis, disse Drayer.

O National Institutes of Health Office of Dietary Supplements recomenda que mulheres em idade fértil tomem 400 microgramas de folato por dia. As mulheres grávidas devem aumentar a ingestão para 600 microgramas por dia, de acordo com a agência.

O folato pode ajudar a prevenir defeitos congênitos, especificamente aqueles que afetam o cérebro e a coluna do bebê, durante as primeiras semanas de gravidez, de acordo com o CDC. Cerca de metade das gestações nos Estados Unidos não são planejadas, diz o artigo, e é por isso que é importante que todas as mulheres em idade fértil tenham ácido fólico suficiente como parte de sua dieta regular.

Resumindo

Os abacates são uma ótima fonte de nutrientes e podem ajudar a reduzir o colesterol LDL. Além disso, eles podem aumentar a sensação de saciedade por mais tempo.

Como outros alimentos ricos em gordura, os abacates são densos em calorias, o que significa que há muitas calorias por grama. Uma porção de 100 gramas de abacate tem 160 calorias, de acordo com o USDA.

Desde que você esteja ciente de sua ingestão de abacate, porque eles são ricos em calorias, eles são um ótimo complemento para sua dieta, disse Drayer.

Este é um texto traduzido, para ler o original, em inglês, clique aqui.

Mais Recentes da CNN