Brasil registra mais 2.403 mortes por Covid-19 e média volta a subir

Média móvel de óbitos vinha caindo desde fim de abril

Anna Satie, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

 

O Brasil registrou nesta quinta-feira (20) mais 82.039 casos e 2.403 mortes por Covid-19. Com a atualização, a média móvel de mortes nos últimos sete dias subiu pelo terceiro dia consecutivo. 

O índice vinha caindo desde 29 de abril, e atingiu 1.901 na última segunda-feira (18). Desde então, porém, os números subiram e bateram 1.954 nesta quinta, de acordo com levantamento do Conass (Conselho Nacional de Secretários da Saúde).

Ao todo, já foram confirmados 15.894.094 diagnósticos e 444.094 vítimas da doença no país. 

O Maranhão confirmou mais cedo os primeiros casos de infecção por Covid-19 provocado pela nova cepa descoberta na Índia, chamada B.1.617.2. De acordo com a pasta estadual, foram seis casos da cepa indiana detectados entre os 24 tripulantes do navio MV Shandong Da Zhi, vindo da China.

Na semana passada, o navio, que está ancorado no litoral maranhense, foi posto em quarentena após um tripulante indiano, de 54 anos, ser diagnosticado com Covid-19. Mais cinco tripulantes também contraíram a doença, e exames posteriores mostraram a presença da variante.

No começo do mês, a OMS classificou a B.1.617 como uma mutação preocupante. 

O diretor regional da organização, Hans Kluge, afirmou nesta quinta que parece que as vacinas contra Covid-19 em uso atualmente parecem capazes de proteger contra todas as variantes que estão circulando. 

No Brasil, porém, houve queda de 18,3% na aplicação de vacinas em relação à semana passada. 

Entre os dias 13 e 19 de maio o Brasil aplicou pouco mais de 4,3 milhões de vacinas contra a Covid-19. Na semana anterior, entre os dias 6 e 12 de maio, foram pouco mais de 5,3 milhões de doses. Se o país mantiver esse ritmo, só concluirá a imunização em um ano e cinco meses. 

O Instituto Butantan paralisou a produção da Coronavac no último dia 12 por falta de IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo), que deve chegar da China na próxima semana.

(*Com informações de Rafaela Lara, Anthony Wells e Giovanna Bronze, da CNN em São Paulo)

Enterro de vítima da Covid-19 no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo
Enterro de vítima da Covid-19 no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo
Foto: Antonio Molina/Zimel Press/Estadão Conteúdo (30.mar.2021)

Tópicos

Mais Recentes da CNN