EUA devem ter sobra de vacinas em maio; Biden ainda decidirá destino das doses

Presidente americano comprou doses equivalentes para vacinar 400 milhões de pessoas, e a nação norte-americana tem 330 milhões de habitantes

Núria Saldanha, da CNN, em Washington

Ouvir notícia

 

Com o ritmo de vacinação acelerado nos Estados Unidos, o país já deve ter sobra de doses em maio. No entanto, o presidente Joe Biden ainda não decidiu o destino desses medicamentos, visto que, segundo um decreto, as farmacêuticas não podem exportar doses.

Biden comprou doses equivalentes para vacinar 400 milhões de pessoas, e a nação norte-americana tem 330 milhões de habitantes. 

O país está administrando 2,5 milhões de doses por dia, o que foi possível com os centros de vacinação de massa, em estacionamentos e arenas esportivas, por exemplo. Além disso, há a oferta de três imunizantes: da Pfizer, Moderna e Johnson & Johnson. 

Os Estados Unidos já completou a imunização de 20% da população adulta. 93 milhões de pessoas tomaram pelo menos uma dose e 51,5 milhões receberam as duas.

Fila de vacinação nos EUA
Fila de vacinação nos EUA
Foto: Reprodução / CNN

Mais Recentes da CNN