Pandemia pode retroceder se uso de máscara for abolido, diz infectologista

São Paulo registrou o menor número de internados em leitos de UTI por causa da Covid-19 desde as primeiras semanas da pandemia

Da CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Em entrevista à CNN nesta segunda-feira (11), infectologista Jamal Suleiman, do Instituto Emilio Ribas, afirmou que a pandemia de Covid-19 pode retroceder se o uso de máscara for eliminado.

“Se a gente abolir o uso da máscara neste momento, a gente corre o risco de retroceder, que é tudo o que não queremos”, disse Suleiman.

São Paulo registrou o menor número de internados em leitos de UTI por causa da Covid-19 desde as primeiras semanas da pandemia. Hoje, o estado tem pouco menos de 2 mil pacientes nessa situação, o que representa cerca de 30% da capacidade total dos hospitais. O estado levou mais de 550 dias para chegar a essa marca.

Apesar do número, Suleiman lembrou que devemos continuar em alerta. Além disso, destacou que um conjunto de fatores, como a vacinação em massa, fez com que conseguíssemos chegar a esse número da pandemia.

“Estamos com um número bom, mas não é ótimo. O ótimo é quando 100% da população estiver plenamente vacinada. Enquanto a gente não alcança isso, devemos manter o uso de máscara e não aglomerar. Quando participar de eventos-teste, por exemplo, seguir rigorosamente essas instruções”, disse.

“Para retomar a normalidade, precisamos seguir determinados parâmetros, porque, no passado, tivemos um sofrimento imenso. Não podemos comemorar.”

Mais Recentes da CNN