Perda do olfato pode ser um indicador altamente confiável de Covid-19

Pesquisadores estudaram 590 voluntários que tiveram perda do olfato ou do paladar

Da CNN

Ouvir notícia

A perda do olfato e do paladar são um forte sinal de que alguém está infectado com Covid-19, de acordo com uma nova pesquisa liderada pela University College London (UCL) publicada nesta quinta-feira (1º). Segundo pesquisadores britânicos, pessoas que perdem o olfato ou o paladar devem considerar o isolamento, mesmo que não tenham outros sintomas. 

“Nossas descobertas mostram que a perda do olfato e do paladar é um indicador altamente confiável de que alguém provavelmente terá Covid-19 e, se quisermos reduzir a propagação desta pandemia, esse sintoma deve ser considerada pelos governos em todo o mundo como um critério para auto isolamento, teste e rastreamento de contato”, disse Rachel Batterham, pesquisadora da UCL, que ajudou a liderar a equipe do estudo.

Leia e assista também

Muitas pessoas perderam o olfato com o novo coronavírus. Será que ele volta?

Correspondente Médico: Por que a Covid-19 causa a perda de paladar e olfato?

Visão Responde: perda de olfato devido à Covid-19 indica sequela cerebral?

Perda de olfato causada por Covid-19 pode ser permanente, indica estudo

Os pesquisadores estudaram 590 voluntários que tiveram perda do olfato ou do paladar. Destes, 567 foram testados para o coronavírus. Dos 567, 77,6% testaram positivo para anticorpos SARS-CoV-2. No total, 80,4% dos participantes que relataram perda de olfato e 77,8% daqueles que relataram perda de paladar tiveram um resultado positivo no teste, relatou a equipe na revista PLoS Medicine. Quase 40% dos que testaram positivo para anticorpos não apresentaram febre nem tosse.

Batterham e seus colegas também descobriram que os participantes com perda de olfato por si só tinham quase três vezes mais probabilidade do que os pacientes com apenas perda de paladar de ter anticorpos contra Covid-19, e os participantes com perda combinada de olfato e paladar eram quatro vezes mais prováveis de ter anticorpos.

“Essas descobertas sugerem que a perda do olfato é um sintoma altamente específico da Covid-19, em contraste com a perda do paladar, apesar de sua frequência comparável”, escreveram os pesquisadores. O estudo recrutou seus voluntários entre 23 de abril e 14 de maio, durante o pico do surto de Covid-19 em Londres. Não incluiu um grupo de comparação de pessoas que não perderam o olfato e/ou paladar.

Texto traduzido. Leia o original, em inglês.

 

Mais Recentes da CNN