Pfizer entrega mais 2 milhões de doses ao Brasil; serão 8,4 milhões até domingo

Vacinas são concedidas ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde, responsável pela distribuição para estados e município

Com a chegada do lote nesta quinta, mais 74 milhões de doses da vacina já foram entregues pela Pfizer ao Brasil
Com a chegada do lote nesta quinta, mais 74 milhões de doses da vacina já foram entregues pela Pfizer ao Brasil Geovana Albuquerque/Agência Saúde DF

João de Marida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

A farmacêutica Pfizer entregou mais 2 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 ao Brasil nesta quinta-feira (16). As vacinas chegaram por dois voos vindos de Miami (EUA) com desembarque no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP).

O primeiro, com 1.140.750 doses chegou por volta das 20h15. Já o segundo, com mais 930.150 vacinas, pousou por volta das 21h50.

As 2.070.900 doses fazem parte da nova série de entregas que prevê o envio de 8,4 milhões de imunizantes até o próximo domingo (19). Ontem, a farmacêutica também entregou mais de 2 milhões de vacinas em dois voos.

Os voos da Pfizer costumam chegar com cerca de 1 milhão de doses cada. No último dia 12, porém, a farmacêutica entregou a maior remessa em único dia do imunizante ao Brasil: 5,1 milhões.

 

As vacinas são concedidas ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde, responsável pela distribuição para estados e município.

Segundo a pasta, a vacina da Pfizer/BioNTech é a terceira mais utilizada no Brasil. Também estão disponíveis no PNI a Coronavac (Sinovac/Butantan), as vacinas da Oxford/AstraZeneca e Janssen.

Para cumprir com o combinado das mais de 8 milhões de doses até o dia 18, estão programados mais seis até domingo.

100 milhões de doses em setembro

O Ministério da Saúde já recebeu mais de 74 milhões de doses do primeiro contrato com a Pfizer, assinado em março de 2021. O contrato prevê a entrega de 100 milhões de vacinas no total até o final de setembro.

A pasta também negociou, em outro contrato assinado em maio, a entrega de outras 100 milhões de doses entre outubro e dezembro. Segundo a Pfizer, o cronograma será cumprido.

Ou seja, no total, serão enviadas 200 milhões de doses até o fim do ano.

(Com informações de Henrique Andrade, da CNN, em São Paulo)

Mais Recentes da CNN