Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Rolls-Royce realiza teste do UltraFan, maior motor aeronáutico do mundo, com sucesso

    Primeira testagem foi realizada com 100% de combustível de aviação sustentável (SAF)

    Rolls-Royce realiza com sucesso primeiro teste do UltraFan, maior motor aeronáutico do mundo
    Rolls-Royce realiza com sucesso primeiro teste do UltraFan, maior motor aeronáutico do mundo Divulgação/Rolls-Royce

    Beatrice Teizencolaboração para a CNN

    Além de automóveis de luxo, a Rolls-Royce também atua na indústria da aviação e concluiu, recentemente e com sucesso, os primeiros testes em solo de seu motor aeronáutico UltraFan em suas instalações em Derby, no Reino Unido. A primeira testagem foi realizada com 100% de combustível de aviação sustentável (SAF). “Testar o demonstrador é o culminar de muitos anos de trabalho”, disse a empresa.

    Segundo a companhia, esta é a primeira vez que a fabricante testa uma arquitetura de motor totalmente nova em 54 anos. Além disso, de acordo com a empresa, o UltraFan oferece uma melhoria de eficiência de 10% em relação ao Trent XWB da marca, por exemplo, que é motor aerodinâmico de grande porte mais eficiente do mundo em serviço.

    Em curto prazo, a Rolls-Royce diz que há opções para transferir tecnologias do programa de desenvolvimento do motor para os atuais Trent. Já em longo prazo, a tecnologia escalável do UltraFan oferece o potencial para alimentar novas aeronaves de companhias aéreas previstas para a década de 2030.

    Apesar de seu tamanho, o motor é bastante leve devido aos robôs de fabricação 3D de alta precisão da empresa, que fabricam a maioria das pás de mais de 3,50 metros de diâmetro em composto de carbono, mas usam titânio para adicionar força e resiliência para suas bordas principais.

    “O demonstrador do UltraFan é um divisor de águas – as tecnologias que estamos testando como parte deste programa têm a capacidade de melhorar os motores de hoje, bem como os de amanhã. Estamos testemunhando a história sendo feita, uma mudança radical na melhoria da eficiência do motor. Quando combinados com combustíveis sustentáveis para aviação, motores de turbina a gás mais eficientes serão a chave para atingir a meta da indústria de voo Net Zero até 2050”, disse Tufan Erginbilgic, CEO da Rolls Royce.

    Esta foi a primeira vez que a fabricante testou uma arquitetura de motor totalmente nova em 54 anos/ Divulgação/Rolls-Royce

    O UltraFan está em construção há uma década, com o conceito tendo sido revelado publicamente em 2014. Segundo a fabricante, sua arquitetura de design é diferente daquela existente nos aproximadamente 4.200 grandes motores Rolls-Royce Civil atualmente em serviço, pois incorpora um design que nenhum outro player da indústria produziu neste tamanho antes.