The Peninsula Chicago: como é se hospedar no melhor hotel dos Estados Unidos

No meio das lojas mais luxuosas da cidade está o imponente hotel que coleciona prêmios e não poupa esforços para agradar todo tipo de visitante

Tina Binido Viagem & Gastronomia

Chicago, IL

Ouvir notícia

Com a entrada a menos de um quarteirão da avenida Michigan, a principal da cidade, se hospedar no The Peninsula Chicago é ver de perto o luxo nos mínimos detalhes; da decoração ao atendimento, passando pela tecnologia de ponta e gastronomia refinada em seus restaurantes.

A recepção fica no sexto andar de um enorme edifício. É lá que começa a hospedagem nesse que ganhou o prêmio de melhor hotel dos Estados Unidos e segundo melhor do mundo pela renomada publicação La List 2023; melhor dos Estados Unidos segundo a U.S. News & World Report; conquistou 5 estrelas no Forbes Travel Guide desde que abriu as portas; entre outros importantes prêmios. 

Fachada do The Peninsula Chicago / Divulgação

Todas as categorias das 339 acomodações são bem espaçosas e super tecnológicas, onde é possível com um único Ipad (disponível em 11 línguas) controlar o quarto inteiro, com decoração clean em tons suaves de azul, creme e branco.

A verdade é que escrever sobre os lençóis brancos e sedosos, a cama que praticamente abraça os visitantes, o banheiro espaçoso (todas as categorias possuem banheira separada do chuveiro) com amenities made in Italy e sistema de som para tomar banho ao embalo da sua trilha sonora predileta, a limpeza impecável das acomodações e as toalhas gigantes e felpudas do banheiro num hotel como o The Peninsula chega a ser óbvio.

Assim como falar do Spa, a academia lotada de equipamentos de última geração aberta 24 horas e a piscina coberta com vista privilegiada da cidade. É tudo realmente perfeito. Mas o que impressiona são os pequenos detalhes e o quanto a equipe, formada por inúmeras nacionalidades, é atenta a cada hóspede.

Ao entrar no quarto pela primeira vez o nome do visitante estará na televisão, numa montagem da famosa fachada do Chicago Theater, aquele detalhe Instagramável que agrada. As xícaras e louças são com os mesmos desenhos das paredes, os móveis trazem o mix do moderno com o toque asiático da marca, e a gastronomia é um capítulo à parte.

Café da manhã no The Peninsula Chicago tem desde itens básicos até pratos típicos de várias regiões do mundo, como Shakshuka, Tortillas, Arroz frito / Fotos: Tina Bini

No grande salão onde fica o restaurante aberto o dia inteiro com menu que vai de saladas a massas, o The Lobby, também é servido o café da manhã em formato à la carte. O pé direito alto, as longas cortinas claras e o serviço atencioso são um convite para começar o dia sem pressa, curtindo cada momento dessa experiência.

O menu tem desde itens clássicos como ovos mexidos, omeletes, croissants e iogurte até pratos como o ovo assinatura da casa, o The Pen-edict, um ovo beneditino com lagosta, caviar e trufas e pratos típicos de várias regiões do mundo como Shakshuka, French Toasts, Arroz frito, Tortillas, entre outros.

Restaurante The Lobby / Divulgação

Entre outras opções gastronômicas do hotel está o restaurante chinês Shanghai Terrace, comandado pelo chef chinês Elmo Han. No longo menu figuram boas interpretações de clássicos cantoneses e sichuaneses em porções para compartilhar no centro da mesa, como o famoso rolinho primavera, dumpling de lagosta, o tradicional Peking Duck, além de arrozes fritos, legumes na wow, frutos do mar em diversas versões, sopas e saladas.

O ambiente do restaurante remete aos anos 1930 de Xangai, com decoração em tons de ébano, dourado e vermelho. Caso vá no verão, mesas são colocadas no charmoso jardim do hotel.

Shanghai Terrace oferece pratos chineses para compartilhar no The Peninsula Chicago / Tina Bini

Uma cidade com o Skyline tão vibrante como Chicago é lotado de rooftops e o The Peninsula tem um bar no topo do prédio para chamar de seu. É o Z Bar que tem ambiente badaladíssimo, mesas externas e drinques clássicos e autorais. Um lugar para ver, mas também para ser visto, já que figura entre os rooftops mais badalados da cidade.

Para aqueles que desejam algo rápido no café da manhã ou almoço a opção é o Pierrot Gourmet que fica no térreo, com acesso pela rua, e onde qualquer passante pode entrar apenas para um café, uma salada rápida, um sanduíche ou uma torta.

Vista do rooftop do The Peninsula Chicago, o Z Bar / Tina Bini

Um hotel que está redefinindo o padrão de hospedagem de luxo nos Estados Unidos e no mundo.

Para informações sobre tarifas consulte o site oficial do hotel, clique aqui.


Mais Recentes da CNN