Tel Aviv: 6 endereços badalados na cidade israelense, de restaurantes a mercado gastronômico

Influenciadora digital Juju Norremose entrega suas melhores indicações do que fazer e onde comer na cidade situada na costa israelense do mar Mediterrâneo

Jovem e moderna, Tel Aviv tem cenário gastronômico badalado e atividades diversas
Jovem e moderna, Tel Aviv tem cenário gastronômico badalado e atividades diversas Unsplash

CNN Viagem & Gastronomiado Viagem & Gastronomia

Ouvir notícia

Com uma atmosfera vibrante, animada e supermoderna, Tel Aviv forma a maior área metropolitana de Israel e serve como um verdadeiro hub para inovação e cultura do país do Oriente Médio.

Entre os motivos que fazem a cidade israelense se destacar estão suas praias incríveis, restaurantes com as melhores e mais diversas gastronomias e, é claro, o mix de culturas que carrega.

A influenciadora digital Juju Norremose esteve por lá recentemente e compartilha a seguir suas dicas do que fazer, onde comer e onde ficar na cidade – que tem cerca de 450 mil habitantes e em média 328 dias de sol.

O que fazer?

Como Tel Aviv é uma cidade litorânea, superjovem, moderna e descolada, o bacana é aproveitar o dia na praia e separar um tempinho para sair pelas ruas durante a noite, uma vez que é uma delícia conhecer a vida noturna da cidade.

Um lugar que fiquei apaixonada é o Sarona Market, em que recomendo muito a visita. É o mercado mais legal que eu já fui.

Digo isso pois é o maior mercado culinário fechado de Israel, onde há inúmeras coisas diferentes para descobrirmos. Há dezenas de banquinhas com pratos e comidas de rua, queijos, azeites, molhos, entre outras tantas delícias.

É daqueles lugares em que ficamos com vontade de passar horas e até um dia inteiro olhando tudo.

Onde comer?

Em Israel, e especialmente em Tel Aviv, experimentei uma das melhores comidas da vida. Assim, não consigo escolher apenas um restaurante para indicar. A culinária é mediterrânea com influência do Oriente Médio e é simplesmente impecável.

A seguir, sugiro quatro dos meus endereços favoritos na cidade:

HaSalon

Já posso falar com toda a certeza que esse é meu restaurante preferido do mundo inteiro. Comandado pelo famoso chef Eyal Shani, o HaSalon tem unidades espalhadas por Nova York, Miami e Paris.

Em Tel Aviv, o restaurante nos oferece uma atmosfera descontraída junto de uma cozinha aberta que trabalha com ingredientes frescos e sazonais. Vale muito a pena.

HaSalon by Chef Eyal Shani: 8 Maavar Yabok, Tel Aviv / Tel.: 052-7035888 / Horário de funcionamento: quarta a sexta-feira das 18h30 às 23h30.

Claro;

O Claro; é também outro restaurante imperdível de Tel Aviv. Comandado pelo chef Ran Shmueli, conta com culinária mediterrânea e influência de países como Espanha, França, Itália, Turquia, Grécia, Líbano e de Israel. Digo que é uma verdadeira experiência gastronômica.

Quando estive por lá comi uma alcachofra de Jerusalém que foi uma das melhores pedidas que fiz em um restaurante. Também apostei no carpaccio de atum amarelo e bruschetta com burrata, tomates e pimentão.

O menu do restaurante é todo baseado em comidas “farm to table”, que preza por ingredientes sazonais de produtores locais, além de usar e abusar de vegetais e frutas. A cozinha aberta garante certo charme e o restaurante está em um edifício erguido em 1886.

Claro;: HaArba’a Street 23, ao lado da Rav Aluf David Elazar 30, Tel-Aviv / Tel.: +972-3-6017777 / Horário de funcionamento: domingo a quinta-feira das 12h às 15h30 e das 18h às 23h; brunch às sextas das 9h às 15h e jantar das 18h30 às 23h; brunch aos sábados das 9h às 12h, almoço das 13h30 às 16h30 e jantar das 18h às 23h.

North Abraxas

Cardápio do North Abraxas tem vegetais na brasa, peixes e carnes / Reprodução/Instagram

Do mesmo dono do HaSalon, o North Abraxas também foi um restaurante que me surpreendeu muito. Para começar, confesso que estou viciada no trabalho do chef Eyal Shani, natural de Jerusalém e que hoje possui mais de 40 restaurantes espalhados por Tel Aviv, Paris, Londres, Viena, Dubai, Melbourne, Miami, Nova York, Ibiza e Singapura.

Logo, não poderia deixar de conhecer mais uma criação dele. É uma casa mais intimista, com pequeno bar com vista para cozinha aberta.

O cardápio vai desde vegetais na brasa envoltos em um “envelope” de papel – que é de uma delicadeza que faz toda a diferença no prato – até peixes e carnes variadas. É uma superdica.

North Abraxas: Lilienblum St 40, Tel Aviv-Yafo / Tel.: +972 (0)3-5166660 / Horário de funcionamento: domingo a sábado das 12h às 16h e das 18h às 23h.

Anita

Juju Norremose experimenta sorvete do Anita, que faz um dos melhores gelatos da cidade / Acervo pessoal

No quesito das sobremesas, quem me segue sabe que sou apaixonada por sorvetes: todo lugar que viajo tento experimentar um diferente. Assim, o Anita foi a escolha certa em Tel Aviv, já que é considerado um dos melhores gelatos da cidade.

E confirmo: é realmente tudo isso! Gostei tanto que até voltei no último dia para comer de novo. Merece uma nota 10 e arrisco dizer que foi um dos melhores sorvetes da minha vida.

O bacana é que o cardápio contém cerca de 150 sabores para escolhermos e há mais de uma unidade da sorveteria espalhada pela cidade. Também há filiais em Los Angeles, Nova York, Miami, Barcelona, Sydney, Brisbane, San Juan, Limassol e Londres.

Anita: Rav Aluf David Elazar St 16, Tel Aviv / Tel.: +972-3654-2544 / Horário de funcionamento: domingo a quarta-feira das 10h às 22h; sexta e sábado das 10h até o último cliente.

Onde ficar?

Decidi me hospedar no The David Kempinski e me surpreendi. Não poderia ter escolhido um hotel mais incrível do que esse.

Localizado no centro de Tel Aviv e em frente à praia, é um espetáculo com 250 quartos e estilo contemporâneo. Uma das partes que mais me encantou foi o lobby, onde fica o café da manhã e que garante uma vista privilegiada para o entorno.

No último dia sentei do lado de fora e comi olhando para o Mediterrâneo. Outro ponto que amei no hotel foi a parte da piscina, também com vistas para o mar. No geral, toda a estrutura é impressionante.

The David Kempinski Hotel Tel Aviv: HaYarkon St 51, Tel Aviv-Yafo

*Os textos publicados pelos Insiders e Colunistas não refletem, necessariamente, a opinião do CNN Viagem & Gastronomia.

Sobre Juju Norremose

A influencer digital Juju Norremose / Divulgação

Nascida em Belo Horizonte (MG), Juju é influencer e empresária. Formada em Direito, compartilha desde 2015 sua rotina, treinos e o seu lifestyle saudável, assim como diversas viagens e descobertas ao redor do mundo. Além disso, é uma das sócias da Haoma, marca de doces e chocolates saudáveis que utiliza cacau 100% brasileiro “bean to bar”.


Mais Recentes da CNN