Próxima de Buenos Aires, Estancia Villa María alia turismo rural com estadia de luxo

Ideal para escapadas de fim de semana, histórica casa de campo com ar europeu é rodeada por muito verde e tem desde amplos quartos a aulas de alfajor

Daniela Filomenodo Viagem & Gastronomia Buenos Aires, Argentina

A pouco menos de uma hora do agito de Buenos Aires uma construção no estilo Tudor de 1919 se ergue em meio a dezenas de hectares em um cenário campestre. Com ares europeus e digna de novela, a Estancia Villa María é como um respiro tranquilo a uma curta distância dos melhores restaurantes e passeios da capital argentina.

E o melhor: podemos nos hospedar na propriedade. Construída como casa de veraneio do abastado fazendeiro argentino Celedonio Pereda, foi erguida com materiais vindos da Europa com projeto do famoso arquiteto Alejandro Bustillo e hoje dispõe de quartos e atividades que nos dão um gostinho do campo.

Desde que foi construída, Villa Maria é palco para eventos familiares, cenas de séries, filmes e campanhas para marcas de moda, assim como casamentos e hospedagens de personalidades mundiais – que diga Alicia Keys, Angela Merkel e embaixadores da Itália, Catar e Arábia Saudita.

Assim, é uma alternativa de hospedagem para quem deseja sossego, contato com a natureza – há um parque arborizado de 75 hectares com lago e 300 espécies de plantas – e manhãs bem acordadas com empanadas à nossa espera.

Caso pernoitar não seja o caso, um dia de campo também é possível: das 10h às 18h é possível descobrir os cantinhos do rancho a cavalo e relaxar entre as árvores, assim como desfrutar de almoço, praticar esportes e se despedir com chás e docinhos – tudo por cerca de 41 mil pesos argentinos (cerca de R$ 700).

Hospedagem na estância

A casa de campo que nos recebe faz parte da Estancia Villa María, propriedade privada que remonta a 1890 e que atualmente compreende 658 hectares de terra divididos em lotes e até bairros residenciais.

Fortemente ligada à cultura equestre e dotada de campo de golfe, a enorme propriedade é ideal para fins de semana e dias de veraneio. Inserida neste contexto, a casa tem 16 acomodações e é, na verdade, dividida em duas, com 11 quartos na casa principal e outros cinco na “casa francesa”, que fica logo ao lado e que está sendo renovada.

A construção como um todo cobre cerca de três mil m² e nos oferece um turismo rural com comodidades de estadia de luxo. As maiores acomodações têm cerca de 90 m² e os quartos diferem entre si, decorados com diversas obras, móveis e azulejos que conversam com uma vida no campo sofisticada.

As tarifas incluem café da manhã, almoço e jantar, assim como uma bebida não alcoólica nas refeições e atividades nos arredores.

Por falar em comida, é claro que, com um cenário desses, a comida de campo fala alto. Um restaurante serve delícias argentinas clássicas em um menu que muda diariamente e que inclui entrada, prato principal e sobremesa.

A estância também se encarrega do asado argentino, com diferentes carnes e acompanhamentos que vão de batatas bravas, verduras grelhadas até saladas frescas. Para finalizar, um flan caseiro com doce de leite é tradição por aqui.

Que tal um lanche da tarde e um piquenique? Tudo é possível com os amplos campos verdes.

Entre cavalgadas e caminhadas

A grandiosidade da propriedade faz com que sejamos instigados a sair pelas redondezas: o dia pode começar com caminhadas entre as árvores e os gramados. Cavalgadas também podem ser feitas com cavalos locais, assim como é possível fazer aulas de equitação e descobrir mais da natureza ao redor a bordo de uma carruagem.

Para nos refrescar, temos à disposição uma piscina externa, mas se os esportes forem seu forte, não se preocupe: a estância está equipada com quadras de tênis, vôlei e campo de futebol, assim como circuito de golfe de 18 buracos e caminhos recomendados para passeios em cima de uma bike.

Propriedade tem acesso a lago e campos para práticas esportivas / Divulgação

De volta à casa de campo, massagens podem ser agendadas e a noite pode começar – ou terminar – com degustações na adega própria. Biblioteca e sala de bilhar também estão entre os cômodos internos.

E por que não aproveitar o tempinho por aqui para aprender algumas receitas tradicionais do país? Aulas de culinária podem se tornar uma divertida tarefa, inclusive ao lado das crianças, já que colocamos a mão na massa para fazer deliciosos e clássicos alfajores de maisena.

No fim, é só pegar a bandeja, sentar do lado de fora com vista para o verde e aproveitar uma tarde argentina repleta de calmaria.

Estancia Villa María
Avenida Pereda S/N, Máximo Paz, 1812 Buenos Aires, Argentina / WhatsApp: +54 9 11 32452125 / Telefone para reservas: +54 11 32202866 / Diárias entre 68.200 e 95.800 pesos argentinos, entre R$ 1.170 e R$ 1.655 / Mais informações, consulte site