Bob Burnquist e chef Alex Atala investem no mercado da maconha; veja entrevista


Manuela Tecchio, do CNN Brasil Business, em São Paulo
05 de setembro de 2020 às 10:57 | Atualizado 05 de setembro de 2020 às 10:59

Maior medalhista da história do X Games, principal campeonato de esportes radicais do mundo, e dez vezes campeão mundial de skate, Bob Burnquist aproveitou o ano de 2020 para explorar seu lado empresário. Em parceria com o renomado chef Alex Atala, o atleta vai inaugurar uma empresa de produtos naturais, com foco em atletas de alta performance, na Califórnia.

Quer dizer, eles vão entrar no crescente mercado da cannabis. Batizada de Farmaleaf, a empresa vai operar inicialmente com e-commerce para oferecer produtos à base de canabidiol e psilocibina – substâncias derivadas da maconha e dos cogumelos, respectivamente. Entre os produtos que serão vendidos pela marca, estão cremes e óleos essenciais que podem ser usados diretamente sobre as lesões. 

Leia também:
Anvisa publica registro de produto à base de canabidiol
Brasil testa cannabis contra estresse em profissionais que combatem Covid-19

A ideia da marca partiu da experiência profissional de Burnquist, que, ao se machucar em campeonatos, optava pelos fitoterápicos frente aos opioides receitados por médicos para aliviar as dores. Durante auma entrevista ao CNN Brasil Business, o astro ainda voltou a criticar a indústria farmacêutica americana, pela venda indiscriminada desse tipo de medicamento.

“Como atleta profissional, a ideia da empresa veio da minha necessidade de tratar dores e de manter uma vida saudável – e o Atala também treina jiu-jítsu. Nos EUA ainda e muito forte o uso de opioides, que são substâncias viciantes, então, tem que tomar muito cuidado na hora de usar. A gente entende que é preciso se curar de maneira mais branda”, disse Burnquist.

Os produtos começam a ser vendidos pelo site a partir da segunda quinzena de setembro, mas a ideia é que a companhia conte também com lojas físicas nos Estados Unidos (EUA) e, futuramente, no Brasil. No negócio, ainda entra como sócio o ex-CEO da farmacêutica Bayer, Theo van der Loo.

“Agora estamos finalizando a plataforma de e-commerce e estudando a legislação para trazer ao Brasil. O Theo tem uma cabeça muito bacana e um entendimento legal do mercado, sabe como funcionam as aprovações. A gente quer fazer direito, com base medicinal mesmo”, contou.

Há dois anos lidando com a “cinzenta” legislação americana em torno do uso de CBD em fármacos, o skatista pretende ainda explorar a medicina natural de forma mais ampla nos próximos anos.

“A gente não vai focar só no CBD, porque as plantas medicinais são tantas e oferecem tantas possiblidades, que não faz sentido limitar. Ainda mais sedo brasileiro, e sabendo o acesso que a gente tem à Amazônia, a marca já nasce com esse propósito de explorar outras fontes”, conta.

Leia também:
Skatista Letícia Bufoni vê adiamento da Olimpíada como chance de conquistar fãs
Charlie Brown Jr. estará na trilha sonora do game 'Tony Hawk Pro Skater 1+2'

Em meio à pandemia, Burnquist ainda deu início a um projeto social: o Instituto Bob Burnquist (IBB), com sede na Ilha da Gigoia, no Rio de Janeiro (RJ), que visa levar esporte, oficinas culturais e assistência em saúde para comunidades vulneráveis. A ONG dá continuidade à parceria do atleta com o banco BV.

O astro ainda teve uma participação importante na recém-lançada versão do videogame Tony Hawk's Pro Skater, clássico dos anos 1990 remasterizado pela Activision. Burnquist figura como um dos personagens do jogo e deu até pitaco na trilha sonora, que agora conta com uma faixa da brasileira Charlie Brown Jr. No vídeo acima, o skatista conta um pouco melhor como foi seu envolvimento no projeto.

Bob Burnquist

Lenda do skate, Bob Burnquist tem apostado em seu lado empresário e ativista

Foto: Divulgação

Mas, não contente, o atleta ainda dá continuidade às atividades de sua empresa de kits de obstáculos e pistas móveis para manobras de skate, lançada no ano passado, a Burnkit, e transforma o Spotlab, espaço que nasceu como um bar em uma casa onde Bob morou no Rio, em um selo de eventos itinerantes.

Sobre esse lado empreendedor, Burnquist vai falar mais durante o Master Trader, evento organizado pela Clear Corretora neste domingo (6), das 19h às 22h, de forma online e gratuita. Para participar da conferência, que ainda traz nomes como Ashton Kutcher e William Kamkwamba, basta se inscrever pelo site da corretora.  

Na próxima sexta-feira (11), no Allianz Parque, Burnquist também promove o Spotlab Sessions, um evento de demonstração de manobras de skate, em esquema drive-in para o público, ao lado de outros atletas, como Rony Gomes e Edgard Vovô. O valor arrecadado com os ingressos será revertido em ações sociais do Instituto Bob Burnquist (IBB). Quem tiver interesse, pode adquirir entradas pelo site da Sympla.

Clique aqui e siga a página do CNN Brasil Business no Facebook