Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Foo Fighters anuncia cancelamento da turnê de 2022 após morte de Taylor Hawkins

    "Vamos aproveitar esse tempo para lamentar, curar, aproximar nossos entes queridos e apreciar todas as músicas e memórias que fizemos juntos", escreveu a banda em nota

    Foo Fighters
    Foo Fighters Divulgação

    Tiago Tortellada CNN

    Ouvir notícia

    O Foo Fighters anunciou, nesta terça-feira (29), o cancelamento de todos os shows de sua turnê de 2022 devido à morte de Taylor Hawkins, baterista do grupo.

    Em nota publicada nas redes sociais, a banda lamentou por não poder ver os fãs “conforme planejado” e afirmou que vão “aproveitar esse tempo para lamentar, curar, aproximar nossos entes queridos e apreciar todas as músicas e memórias que fizemos juntos”.

    De acordo com o site oficial, eles tinham shows programados até o dia 17 de dezembro em diversos países, como Estados Unidos, Itália, Portugal, França e Austrália. Além disso, o grupo tocaria na cerimônia do Grammy, que acontecerá no dia 3 de abril, em Las Vegas.

    Logo após a morte de Hawkins, o Foo Fighters cancelou os shows que ainda fariam na América do Sul, incluindo o fechamento do Lollapalooza Brasil 2022 e um festival na Colômbia, onde o baterista foi encontrado morto no hotel em que estavam hospedados.

    Ainda não foi divulgada a causa oficial do falecimento do músico, mas um laudo preliminar da perícia no corpo de Hawkins detectou a presença de ao menos dez substâncias diferentes em sua urina.

    Entre elas, estavam THC (substância presente na maconha), antidepressivos, o ansiolítico benzodiazepina e opioides, de acordo com laudo divulgado na noite de sábado (26) pela Procuradoria-Geral da República da Colômbia, órgão equivalente ao Ministério Público Federal do Brasil.

    Taylor Hawkins nasceu no Texas, Estados Unidos, e fez sua estreia no Foo Fighters em 1997, na turnê do álbum The Color and the Shape.

    O baterista também participou de álbuns vencedores do Grammy, incluindo There Is Nothing Left To Lose, One by One e Wasting Light, e contribuiu com os vocais principais das músicas “Sunday Rain” e “Cold Day In The Sun”, dos álbuns Concrete e Gold e In Your Honor, respectivamente.

    O Foo Fighters entrou no Hall da Fama do Rock & Roll no ano passado, no seu primeiro ano de elegibilidade. Antes de integrar a banda, Hawkins fez parte do grupo Alanis Morissette.

    Mais Recentes da CNN