Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Casagrande: Retomada do Brasileirão não é “humanitária”

    Comentarista afirma que paralisação do Brasileirão é humanitária diante dos estragos das chuvas no Rio Grande do Sul

    Da CNN

    Em participação no programa Domingol da CNN Brasil neste domingo (26), Walter Casagrande comentou sobre a decisão de mudar as partidas dos times do Rio Grande do Sul para outros estados após as fortes chuvas que atingiram a região.

    Casagrande critica mudança geográfica dos clubes

    O comentarista afirmou que “não existe mudança geográfica para resolver uma questão emocional”. Segundo ele, transferir equipes como Grêmio, Internacional e Juventude para centros de treinamento em outros estados não resolve o problema emocional enfrentado pelos jogadores e membros das comissões técnicas, cujas famílias foram impactadas pela tragédia.

    “Não adianta você mudar o time daqui pra lá, que o problema vai ser resolvido. Não é verdade. Não existe solução com mudança geográfica”, disse Casagrande.

    Paralisação do Brasileirão é “humanitária”

    O ex-jogador defendeu a paralisação do Campeonato Brasileiro como uma medida “humanitária” e não apenas por causa dos clubes gaúchos. Ele citou que aeroportos, estádios e centros de treinamento foram danificados pelas chuvas, inviabilizando a realização das partidas.

    Casagrande questionou os clubes que pressionam pela retomada do campeonato, perguntando se eles se comprometeram a doar suas rendas para ajudar as vítimas no Rio Grande do Sul durante esse período. “Então não tem nada humanitário nessa volta do futebol, nada humanitário”, afirmou.

    O comentarista previu que, se a situação continuar grave, o campeonato deverá ser paralisado novamente, pois os jogadores não estarão em condições emocionais para atuar com 100% de rendimento.

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas