Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Copa do Mundo Feminina 2027: Brasil mantém otimismo para sediar torneio

    Para Valesca Araujo, executiva responsável pela candidatura do Brasil, Fifa tem "empolgação" com eventos no país

    Seleção Brasileira Feminina em partida contra a Nicarágua, no ano passado
    Seleção Brasileira Feminina em partida contra a Nicarágua, no ano passado Nayra Halm/CBF

    Juliano Passaroda CNN

    No dia 17 de abril, a Fifa divulgará o país sede da Copa do Mundo Feminina de 2027 e a expectativa é grande para que o Brasil seja o escolhido pela entidade.

    Em uma candidatura conjunta, o grupo europeu formado por Alemanha, Bélgica e Holanda concorre diretamente com a candidatura brasileira, mas de acordo com Valesca Araújo, executiva responsável pelo projeto do Mundial no Brasil, a Fifa tem uma “grande empolgação” com o país, que sediou recentemente a Copa de 2014.

    “A Fifa já fez grandes eventos aqui. A gente sente que tem um gosto muito grande deles com a gente, porque nós também entregamos muito bem”, afirmou Araújo durante o Sports Summit, evento que acontece em São Paulo.

    A executiva destacou que o processo para a escolha do país sede da Copa feminina é bastante complexo, com diversos requisitos de avaliação, como segurança, infraestrutura e comercial.

    “São muitos detalhes, onde a gente tem que comprovar capacidade hoteleira, infraestrutura, muitas garantias do governo, questões de direitos humanos, sustentabilidade e tudo mais”, explicou Araújo.

    Copa do Mundo de 2014

    O Brasil sediou a Copa do Mundo de 2014, no futebol masculino, e boa parte do que foi feito, principalmente em relação à infraestrutura, deverá ser utilizado na Copa feminina caso a Fifa escolha o país como sede.

    Par o Mundial das mulheres, o país apresentou à Fifa dez estádios, de dez cidades de todas as regiões do Brasil. Todos esses estádios receberam jogos da Copa de 2014.

    Segundo Araújo, o Brasil merece sediar a Copa do Mundo Feminina por toda história das mulheres dentro do futebol brasileiro e da evolução do profissionalismo no esporte.

    “Queremos trazer essa Copa pra cá […] essa Copa do Mundo é feita para mulheres e por mulheres. Merecemos ter ela aqui”, afirmou Valesca.

    O período sugerido para a Copa do Mundo feminina de 2027 no Brasil vai de 24 de junho a 25 de julho.

    Filme da candidatura tem Marta como protagonista

    Durante o Sports Summit, a executiva responsável pela candidatura do Brasil mostrou o filme oficial da candidatura com Marta como anfitriã.

    No filme, ela revela o que o mundo pode esperar do país do futebol na Copa de 2027. O momento marcante do vídeo é o gol memorável de Marta na semifinal da Copa do Mundo de 2007 contra os EUA, narrado — de forma inédita — por uma voz feminina.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas