Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    António Oliveira volta a cobrar reforços e pede paz no Corinthians

    Treinador do Timão fez novo apelo por contratações na próxima janela de transferências

    António Oliveira cobrou reforços
    António Oliveira cobrou reforços Rodrigo Coca/Agência Corinthians

    Luis Fabianida Itatiaia

    Nesta terça-feira (11), o Corinthians empatou com o Atlético Goianiense por 2 a 2 pelo Campeonato Brasileiro. O duelo, válido pela oitava rodada da competição nacional, foi disputado no Estádio Antonio Accioly, em Goiânia (GO).

    Após a partida, em entrevista coletiva, o técnico António Oliveira voltou a fazer um apelo público por reforços no Corinthians. O treinador admitiu a fragilidade financeira da equipe, mas destacou que precisará de contratações na próxima janela, que se abre em 10 de julho.

    “Há uma necessidade clara que a equipe tem. Quero ter 20 jogadores com capacidade de competir, dois por posição, até dentro das competições. Essa é a realidade. Independente de percebermos a semana conturbada, dentro do grupo, ninguém toca e ninguém mexe. Não nos passam nada. Queremos um clube são, estável e com paz para dar segurança a desempenhar nossas funções”, disse o treinador.

    “Temos sofridos revés no elenco, com saídas, lesões e vamos reduzindo opções. Já o disse, existe necessidade clara de reforço. Mas agora não podemos reforçar. Temos que viver com essa gente que tenho um prazer de trabalhar, até mais sete jogos. Depois, logo vemos o que vai passar. Não sou homem do dinheiro, tenho exigências técnicas. Isso com certeza a diretoria e o Fabinho já sabem e estamos a trabalhar por um Corinthians mais forte”, acrescentou.

    Em outros momentos, António Oliveira já indicou que vê necessidade de cinco a sete reforços ao clube paulista.

    O Corinthians volta a campo no próximo domingo (16), quando encara o São Paulo. A partida será disputada às 16h (de Brasília) na Neo Química Arena.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original