Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Em negociação inusitada, ídolo do Atlético-MG terá novo desafio como treinador

    Guilherme Alves foi "emprestado" pelo Velo Clube

    Guilherme Alves em ação pelo Atlético-MG
    Guilherme Alves em ação pelo Atlético-MG Divulgação/Atlético

    Leonardo Parrelada Itatiaia

    Ídolo do Atlético-MG, o ex-atacante e agora treinador Guilherme Alves terá uma “troca temporária” de clubes.

    Guilherme esteve à frente do Velo Clube no acesso para a elite do futebol paulista, mas vai comandar o Água Santa na disputa da Série D do Brasileirão neste ano.

    “O treinador Guilherme Alves, que assinou recentemente a renovação do compromisso com o Velo Clube para o Campeonato Paulista A1-2025, foi liberado temporariamente para disputa do Brasileirão Série D pelo Água Santa. O Velo conta com o treinador para o planejamento do elenco e disputa do Paulistão”, divulgou o Velo Clube.

    Água Santa demitiu Bruno Pivetti

    O Água Santa demitiu o treinador Bruno Pivetti após derrota em casa para o Costa Rica-MS por 2 a 0, nesse sábado (8). O time soma nove pontos em sete partidas até aqui e ocupa a 3ª colocação do Grupo A7 da competição. A previsão é que a Quarta Divisão termine no dia 29 de setembro.

    Guilherme de Cássio Alves tem 50 anos e é treinador desde 2007. Ele passou por Marília-SP, Ipatinga, Novorizontino-SP, Vila Nova-GO, Linense-SP, Portuguesa, Paysandu, Marília e Velo Clube. Pelo Velo, foram oito vitórias, seis empates e quatro derrotas.

    No Atlético-MG

    Guilherme foi um dos principais nomes do Atlético entre os anos de 1999 a 2003. O atacante fez 203 jogos e marcou 139 gols com a camisa alvinegra. Ele é o 7º maior artilheiro da história do clube.

    O jogador conquistou o Campeonato Mineiro (2000) e foi vice-campeão brasileiro (1999). Com a camisa do Galo, foi artilheiro do Brasileirão em 1999 (28 gols), Mineiro em 2001 (10 gols), Sul-Minas 2002 (8 gols) e Campeonato Mineiro 2003 (13 gols).

    O jogador foi iniciou a carreira em 1992, revelado pelo Marília-SP e passou por São Paulo, Santa Cruz, Rayo Vallecano-ESP, Grêmio, Vasco, Corinthians, Al Ittihad FC-ARA, Cruzeiro e Botafogo. Guilherme pendurou as chuteiras em 2005.

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original