Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Jovens brilham, e Palmeiras vence Del Valle com virada no último lance

    Luis Guilherme marcou o gol da vitória na altitude aos 51 minutos do segundo tempo

    Endrick marcou um dos gols do Palmeiras contra o Independiente del Valle
    Endrick marcou um dos gols do Palmeiras contra o Independiente del Valle Franklin Jacome/Getty Images

    Luccas Oliveirada CNNBrenno Costada Itatiaia

    O Palmeiras conseguiu mais uma vitória improvável, nesta quarta-feira (24), ao bater o Independiente del Valle por 3 a 2, na terceira rodada do grupo F da Copa Libertadores da América.

    O gol da vitória de virada na altitude de Quito, marcado pelo jovem Luis Guilherme, de 18 anos, saiu aos 51 minutos do segundo tempo, praticamente no último lance.

    A partida, aliás, foi marcada pela grande atuação de promessas: Endrick (17 anos), Lázaro (22) e, pelo Del Valle, Kendry Páez (16 anos) marcaram gols e se destacaram. Com a vitória, o Palmeiras lidera o grupo F, chegando aos 7 pontos, três a mais que o próprio Del Valle, que é o vice-líder.

    O jogo

    Palmeiras modificado

    O técnico Abel Ferreira fez duas mudanças na equipe titular. Dessa vez, o zagueiro Murilo, que sentiu cansaço na partida contra o Flamengo, no último fim de semana, deu a vaga para Marcos Rocha.

    Porém, a grande surpresa foi a entrada de Rony no lugar de Flaco López, artilheiro do time na temporada com 11 gols.

    As modificações do Palmeiras mal foram testadas na prática, e o time foi vítima do meia Kendry Páez, de apenas 16 anos. Desde o início da partida, os donos da casa procuravam a joia já vendida ao Chelsea.

    Aos 11 minutos, Páez partiu para uma jogada individual, tabelou e chutou colocado de fora da área, sem chances para Weverton.

    Del Valle muito melhor

    O que aconteceu nos momentos iniciais da partida, no entanto, não foi um lampejo. O Palmeiras foi dominado de tal forma que os donos da casa chegaram a ter 82% de posse bola até os 35 minutos do primeiro tempo.

    A equipe alviverde não conseguia sair para o jogo, enquanto o Del Valle se aproximou do segundo gol com um chute de Renato Ibarra defendido por Weverton.

    Segundo gol

    Em uma rotação mais lenta, dando sinais de dificuldade com a altitude, o Verdão assistia ao rival jogar, principalmente com subidas ao ataque pelo lado direito. Em uma dessas oportunidades, Kendry Páez colocou a bola na cabeça de Hoyos, que se antecipou a Gustavo Gómez e ampliou a vantagem, aos 37 minutos.

    Endrick dá esperança

    Foi apenas nos minutos finais do primeiro tempo que o Palmeiras conseguiu ter o mínimo de articulação em campo e, mais uma vez, a equipe mostrou como pode ser letal.

    Aos 46 minutos, Rony colocou a bola na área e deu a chance do talento precoce de verde e branco aparecer. Endrick se antecipou à marcação e diminuiu a vantagem de cabeça, aos 46, na única finalização do time na etapa inicial.

    Segundo tempo

    Na volta do intervalo, o Palmeiras voltou mais incisivo. O time deixou de ficar preso ao campo de defesa e saiu para o jogo. Voltou a ter a cara de uma equipe que é sempre competitiva.

    Assim, com um chute de longa distância de Richard Ríos, quase conseguiu empatar o confronto.

    Em seguida, o técnico Abel Ferreira desfez a linha de três zagueiros, acionando Estêvão e Luis Guilherme. Contudo, foi outra substituição que fez a diferença.

    Aos 35 minutos, Lázaro recebeu um lançamento preciso de Flaco López e tocou na saída do goleiro para empatar a partida.

    Mas, o time da virada queria mais e conseguiu uma vitória heroica nos acréscimos. Aos 49 minutos, Luis Guilherme acertou um belo chute de fora da área e garantiu um placar que parecia improvável.

    Um claro sinal de que o Palmeiras pode se reinventar dentro de um mesmo jogo, seja na altitude, seja diante de um adversário que parecia superior na partida.

    Próximos jogos

    Agora, o Palmeiras volta a disputar o Campeonato Brasileiro e tem pela frente o terceiro Choque-Rei da temporada. Às 20h (de Brasília), da próxima segunda-feira (29), a equipe visita o São Paulo, no MorumBIS, pela quarta rodada.

    Na Libertadores, o time só volta a campo no dia 9 de maio, às 19h (de Brasília), contra o Liverpool, no Uruguai.

    Já o Independiente Del Valle enfrenta o Imbabura, neste domingo (28), às 14h30 (de Brasília), pelo Campeonato Equatoriano. Na Libertadores, o próximo compromisso é diante do San Lorenzo, na Argentina, no dia 9 de maio, às 19h (de Brasília).

    Independiente Del Valle 2 x 3 Palmeiras

    Ind. Del Valle: Moisés Ramírez; Landázuri, Carabajal, Schunke e Caicedo; Zabala (Mercado), Ortiz, Renato Ibarra (Arroyo), Kendry Páez e Romario Ibarra (Medina); Hoyos (Renzo López). Técnico: Javier Gandolfi.

    Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez e Luan (Caio Paulista); Mayke (Luis Guilherme), Aníbal Moreno, Richard Ríos, Raphael Veiga (Estêvão) e Piquerez; Endrick (Lázaro) e Rony (Vanderlan). Técnico: Abel Ferreira.

    Gols: Kendry Paéz (11min1ºT) e Hoyos (37min1ºT), do Independiente Del Valle; Endrick (46min1ºT), Lázaro (35min2ºT) e Luis Guilherme (49min2ºT), do Palmeiras

    Cartões amarelos: Hoyos, Ortiz, Caicedo (Independiente Del Valle); Vanderlan (Palmeiras)

    Motivo: terceira rodada da Copa Libertadores
    Data e horário: 24 de abril de 2024, às 21h30 (de Brasília)
    Local: Estádio Banco de Guayaquil, em Quito (Equador)

    Árbitro: Cristian Garay (Chile)
    Auxiliares: José Retamal (Chile) e Gabriel Ureta (Chile)
    Árbitro de vídeo: Fernando Vejar (Chile)


    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original