Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Carpini se posiciona após demissão do São Paulo e manda recado a jogadores

    Treinador agradeceu apoio dos atletas e prevê que time ainda conquistará competições com atual elenco

    Carpini ficou no comando do São Paulo por 18 partidas
    Carpini ficou no comando do São Paulo por 18 partidas Divulgação/Thiago Carpini/Instagram

    Brenno Costada Itatiaia

    Thiago Carpini se posiciou poucas horas depois de ter demissão anunciada pelo São Paulo, nesta quinta-feira (18). O técnico publicou, no seu perfil oficial do Instagram, uma carta de agradecimento ao clube e mandou um recado especial aos jogadores.

    “Minha gratidão ao grande elenco de atletas com quem tive o prazer de trabalhar e que, certamente, ainda terão sucesso nesse ano, e levantarão troféus. Anotem o que digo: existem grandes coisas reservadas a vocês”, declarou.

    A relação de Thiago Carpini com os jogadores transpareceu lealdade até os últimos instantes. O grupo, mesmo sob pressão da torcida, sempre defendeu o trabalho do profissional, mesmo com a queda de desempenho após a eliminação do Estadual, nas quartas de final.

    Na publicação, o ex-comandante Tricolor ainda agradeceu o apoio da diretoria e ressaltou a conquista da Supercopa Rei, que o consagrou como o técnico mais jovem do São Paulo a levantar um troféu.

    Carpini, de 39 anos, ficou no comando da equipe por 18 partidas em, praticamente, três meses. Nesse caminho, sete vitórias, seis empates e cinco derrotas, com um aproveitamento de 50%. Foram 26 gols marcados e 19 gols sofridos.

    Após a saída do treinador, o São Paulo definiu que Milton Cruz, auxiliar técnico fixo, comandará a equipe até o anúncio do substituto, que deve vir do exterior.

    Leia o depoimento de Carpini na íntegra

    Muito obrigado, São Paulo Futebol Clube!

    Hoje chegou ao fim meu ciclo em um dos maiores clubes do mundo. Foram pouco mais de 100 dias de uma constante batalha para deixar essa instituição ainda melhor do que a encontrei. Uma experiência única, marcante e desafiadora, com muitas vitórias e algumas derrotas.

    Em pouco tempo, escrevemos páginas importantes na história do clube, sendo o mais jovem treinador a ser campeão pelo São Paulo. E isso ficará para sempre.

    Tivemos grandes momentos e outros não tão felizes, mas o que fica é o sentimento de que lutamos e deixamos um legado positivo ao São Paulo.

    Resta agradecer à diretoria pela confiança em mim: o presidente Julio Casares, Rui Costa, Belmonte, Muricy… Também a todos os funcionários, departamentos de futebol, médico, equipe de apoio, comissão e staff.

    Mas, principalmente, minha gratidão ao grande elenco de atletas com quem tive o prazer de trabalhar e que, certamente, ainda terão sucesso nesse ano, e levantarão troféus. Anotem o que digo: existem grandes coisas reservadas a vocês.

    Por fim, mas nunca menos importante, agradeço de coração ao torcedor do São Paulo que sempre me apoiou. Sei que existem momentos em que tudo fica mais difícil, mas vocês seguiram lá, ao nosso lado, nos impulsionando. O São Paulo é você, torcedor.

    Hora de buscar novos rumos, com o coração leve, e a mente cheia de boas memórias.

    Obrigado, São Paulo! Que o caminho seja de sucesso.

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original