Apesar de novo tom, Trump não aceitou a transição democrática, avalia analista

Presidente dos Estados Unidos afirmou que não vai comparecer na cerimônia de posse de Joe Biden

da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta sexta-feira (8), no perfil que mantém no Twitter, que não vai comparecer à cerimônia de posse de Joe Biden em 20 de janeiro.

Para o analista político Thiago de Aragão, que mora em Washington, capital do país norte-americano, o republicano ainda não aceitou a “transição democrática” de poder. 

“O impacto disso demonstra que ainda existe um ressentimento muito grande. Apesar da narrativa de ontem, de que endossava uma transição tranquila e de criticar fortemente os invasores do Capitólio, mostra que ainda está muito incomodado com a derrota”, disse.

Assista e leia também:

Pessoas que invadiram o Capitólio estão sendo identificadas e perdendo empregos

Trump questiona assessores se é possível conceder perdão presidencial a si mesmo

EUA: Ex-presidentes criticam diretamente ataque ao Capitólio

“[Ele] ainda não aceitou a derrota, não aceitou a transição democrática. Eu acho que não é somente uma falta de respeito com Biden [não ir a cerimônia de posse], mas com as instituições americanas, principalmente após o que aconteceu no Capitólio nesta semana.”

Na avaliação do especialista, na mente do republicano, estar em pé ao lado de Biden depois do ocorrido representaria o “símbolo máximo da derrota” tanto para ele como para seus seguidores.

“Quando ele falou que a batalha está apenas começando, naturalmente tem planos para o futuro. Ele pode vir a se candidatar ou não, mas ele quer ser, sim, um formador de opinião sobre política muito forte. Então, para Trump, estar em pé ao lado de Biden vai afetar os projetos futuros dele.”

O vice-presidente, Mike Pence, afirmou que vai à cerimônia de posse se for convidado. Na quinta-feira (6), Trump, prometeu uma transição organizada após a invasão do Capitólio.

O ataque organizado por apoiadores do presidente americano resultou em dezenas de feridos e cinco mortes, incluindo a de um policial.

Donald Trump na Casa Branca
Donald Trump na Casa Branca
Foto: Carlos Barria/Reuters (5.nov.2020)

 

(Publicado por Sinara Peixoto)

Mais Recentes da CNN