Big Ben toca na véspera de Ano Novo, após quatro anos de silêncio

Embora o nome Big Ben hoje em dia se refira à torre do relógio inteira, na verdade é o nome do maior sino dentro da torre, usado para tocar as horas

Reforma da torre do Big Ben no Parlamento britânico é finalizada
Reforma da torre do Big Ben no Parlamento britânico é finalizada REUTERS/Toby Melville

Lilit Marcusda CNN*

Ouvir notícia

Um dos relógios mais famosos do mundo está voltando a funcionar a tempo de tocar no ano novo.

O Big Ben tocou pela última vez regularmente em 21 de agosto de 2017, antes de passar por um projeto de reparo intensivo e muito necessário.

A Cumbria Clock Company, localizada em Lake District, na Inglaterra, assumiu a tarefa de limpar o mostrador do relógio, o mecanismo de carrilhão e aproximadamente 1.000 peças nos últimos quatro anos.

O relógio pesa cerca de 5 toneladas e tem pouco mais de 2 metros de altura.

“Ter nossas mãos em cada porca e parafuso é um grande privilégio”, disse Ian Westworth, um dos mecânicos de relógios do Parlamento, em um comunicado. “Vai ser muito emocionante quando tudo terminar – haverá tristeza porque o projeto terminou, mas felicidade por tê-lo de volta e funcionando.”

Embora o nome Big Ben hoje em dia se refira à torre do relógio inteira, na verdade é o nome do maior sino dentro da torre, usado para tocar as horas.

O Big Ben — que fica dentro da Elizabeth Tower nas Casas do Parlamento de Londres — tem marcado o tempo na capital do Reino Unido desde 1859. Este é o maior projeto de reparo em sua história, chegando a um preço de £ 79,7 milhões (cerca de US$ 107 milhão).

No início deste ano, membros da tripulação que trabalhavam para consertar o Big Ben descobriram extensos danos da Segunda Guerra Mundial causados pela campanha de bombardeio da Alemanha nazista. O dano, que foi revelado apenas quando artesãos conseguiram desmontar o relógio inteiro, aumentou o tempo e o preço do projeto da reforma, levando alguns políticos do Reino Unido a reclamar do custo.

Apesar dos atrasos, a equipe que trabalhava no Big Ben conseguiu concluir os reparos ainda em 2021.

Essa notícia chega na hora certa. Hoje, Réveillon, o relógio vai soar ao meio-dia, às 16h, às 21h, às 22h, às 23h e, claro, à meia-noite.

Mas houve alguns ensaios ao longo do caminho para ter certeza de que tudo estava funcionando bem.

Alguns moradores locais sortudos podem ter pego alguns desses bongos durante testes intermitentes em 29 e 30 de dezembro.

Esta noite, apenas o mostrador leste do relógio — aquele que dá para o Tâmisa — ficará aceso. Mas uma das atrações mais queridas de Londres voltou ao seu lugar de direito.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN