Inglaterra estende dose de reforço contra Covid-19 para jovens de 16 e 17 anos

Até agora, as doses de reforço eram limitadas a jovens de 16 e 17 anos com comorbidades e maior risco de contrair a doença

Menina tem material colhido para teste de Covid, em Manchester, Inglaterra
Menina tem material colhido para teste de Covid, em Manchester, Inglaterra 04/01/2022REUTERS/Phil Noble

William Schombergda Reuters

da Reuters

Ouvir notícia

O sistema de saúde da Inglaterra afirmou que expandirá seu programa de reforço na vacinação contra a Covid-19 para incluir jovens de 16 e 17 anos a partir de segunda-feira.

Até agora, as doses de reforço eram limitadas a jovens de 16 e 17 anos com comorbidades e maior risco de contrair a doença.

“Mais de quatro em cada cinco adultos na Inglaterra já receberam reforço, o que ajuda a protegê-los de doenças graves”, disse o ministro da Saúde britânico, Sajid Javid, em comunicado.

“Agora estamos estendendo o programa para jovens de 16 e 17 anos para que eles possam aumentar sua imunidade neste inverno e manter a si mesmos e seus amigos seguros.”

Desde que o programa de vacinação foi lançado por faixa etária em agosto na Inglaterra, mais de 889.700 adolescentes – ou sete em cada 10 pessoas com idades entre 16 e 17 anos – tiveram sua primeira dose e mais de 600.000 receberam a segunda.

Mais Recentes da CNN