Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Negociações de acordo de reféns serão retomadas no Egito na terça-feira (28)

    Gabinete de guerra de Israel deve se reunir no domingo às 21h, horário local (15h, horário de Brasília) e discutir retomada de conversas

    Fumaça de explosão em Gaza
    Fumaça de explosão em Gaza 20/5/2024 REUTERS/Amir Cohen

    Pauline LockwoodBenjamin Brownda CNN

    em Berlim

    As negociações entre Israel e o Hamas para um cessar-fogo e um acordo de troca de reféns serão retomadas na terça-feira (28), disse à CNN uma autoridade egípcia com conhecimento do assunto.

    A autoridade egípcia disse que as negociações vão acontecer no Cairo, Egito.

    Uma autoridade israelense com conhecimento do assunto também disse à CNN que as negociações deveriam ser retomadas na próxima semana, mas não especificou o local.

    O gabinete de guerra de Israel deve se reunir no domingo às 21h, horário local (15h, horário de Brasília) e discutir a retomada de negociações sobre reféns e acordo de cessar-fogo, disse uma fonte israelense à CNN.

    O impulso renovado ocorre mesmo quando os combates continuam em Gaza – na sexta-feira, o principal tribunal da ONU ordenou que Israel suspendesse a sua ofensiva na cidade de Rafah, no sul do território.

    Neste domingo, o Hamas lançou foguetes contra Tel Aviv no primeiro ataque à cidade em quatro meses. Israel diz ter interceptado os lançamentos.

    As conversas entre Israel e o Hamas estão sem avanços há meses, e ambas as partes não conseguiram chegar a um acordo sobre as diferenças sobre as principais exigências.

    O Hamas declarou no início de maio que “concordava” com um acordo de cessar-fogo, mas Israel rapidamente refutou isto, dizendo que a posição do Hamas estava “longe de” satisfazer as suas exigências.

    No início desta semana, o Egito ameaçou retirar o seu papel de mediador após reportagens da CNN, que citavam fontes, apontarem que o Egito tinha alterado os termos de um rascunho de acordo proposto sem o conhecimento das outras partes.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original