Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Pentágono diz acreditar em “caminho diplomático” na crise entre Rússia e Ucrânia

    Porta-voz do Pentágono dos EUA, John Kirby, disse nesta segunda-feira (14) que poderio russo segue sendo monitorado na fronteira com Ucrânia

    John Kirby, porta-voz do Pentágono
    John Kirby, porta-voz do Pentágono Anadolu Agency via Getty Images

    Anna Gabriela Costada CNN

    Ouvir notícia

    Em entrevista coletiva realizada na tarde desta segunda-feira (14), o porta-voz do Pentágono dos Estados Unidos, John Kirby, afirmou que “ainda acredita que possa haver um caminho diplomático” na tensão entre a Rússia e a Ucrânia.

    O porta-voz destacou que apesar de os EUA afirmarem que uma ação militar pode acontecer a qualquer momento, eles acreditam que o presidente russo, Vladmir Putin, ainda não tomou uma decisão.

    A entrevista de Kirby ocorre em um momento de absoluta tensão na Ucrânia. O porta-voz disse que os Estados Unidos compartilham as informações com países aliados, e manifestam a contínua preocupação com o poderio militar que Putin está posicionando nas fronteiras da Ucrânia.

    A Rússia alega estar fazendo testes e estudos militares na Belarus, que faz fronteira com a Ucrânia. Entretanto, o poderio militar está sendo continuamente monitorado, visto que os EUA manifestam preocupação com a quantidade de armamento e militares que a Rússia alocou para essa região.

    John Kirby, o porta-voz do pentágono norte-americano, foi taxativo ao dizer que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, foi claro quando afirmou que os EUA vão agir rápido, e que haverá consequências econômicas severas se houver uma invasão da Rússia.

    Mais Recentes da CNN