Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Atual presidente da Argentina, Alberto Fernández vota no 2º turno das eleições presidenciais

    Fernández esteve presente na Universidade Católica da Argentina, em Buenos Aires, para registrar seu voto

    O presidente da Argentina, Alberto Fernández, vota na Universidade Católica neste domingo (19)
    O presidente da Argentina, Alberto Fernández, vota na Universidade Católica neste domingo (19) Reprodução: Twitter

    Da CNN*

    O atual presidente da Argentina, Alberto Fernández (Unión por la Patria), votou neste domingo (19) no segundo turno das eleições presidenciais do país.

    Fernández esteve presente na Universidade Católica da Argentina, em Buenos Aires, para registrar seu voto.

    Em publicação na rede social X, antigo Twitter, o presidente da Argentina desejou que “a Argentina siga respeitando e cuidando da democracia recuperada há 40 anos”.

    Fernández ainda se dirigiu brevemente aos jornalistas presentes no local. “Confio que tudo se desenvolverá em ordem e paz”, disse o atual mandatário.

    Neste domingo, os argentinos votam no segundo turno das eleições presidenciais após Sergio Massa, o candidato governista e atual ministro da economia do país, ter encerrado o primeiro turno com 36,69% dos votos válidos, enquanto o opositor ultraliberal, Javier Milei, somou 29,99%.

    De acordo com projeção da Atlasintel publicada no dia 10 de novembro, Milei deve vencer o pleito com 52,1% dos votos totais, contra 47,9% de Massa – com margem de erro de um ponto percentual. A agência foi a única que indicou a vitória do governista no primeiro turno.

    Para conseguir a virada, – feito alcançado apenas pelo ex-presidente Maurício Macri, em 2015 – Milei conta com o apoio da terceira colocada no primeiro turno, Patricia Bullrich (Juntos por el Cambio), que teve 23,84% dos votos.

    Veja também: CNN analisa disputa entre Massa e Milei na véspera do segundo turno

    *Publicado por João Nakamura