Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rainha Elizabeth II é vista dirigindo após cancelar agenda sob orientação médica

    Elizabeth II foi orientada por médicos a descansar por pelo menos duas semanas

    Rainha Elizabeth II foi vista dirigindo em torno de sua propriedade em Windsor, nesta segunda-feira (1º)
    Rainha Elizabeth II foi vista dirigindo em torno de sua propriedade em Windsor, nesta segunda-feira (1º) Ben Cawthra/London News Pictures

    Toyin Owosejeda CNN

    Ouvir notícia

    A rainha Elizabeth II foi fotografada dirigindo ao redor de sua propriedade em Windsor nesta segunda-feira (1º), dias depois de ser instruída por médicos a descansar por pelo menos duas semanas e evitar compromissos oficiais.

    A imagem mostrava a monarca de 95 anos usando um lenço na cabeça e óculos escuros ao volante de seu carro. O passeio provavelmente será uma visão positiva em meio a preocupações crescentes com a saúde da rainha.

    No mês passado, a rainha foi forçada a cancelar uma viagem à Irlanda do Norte e passou uma noite no hospital King Edward VII, no centro de Londres, onde os médicos fizeram “exames preliminares” e a aconselharam a descansar alguns dias.

    Na época, uma fonte próxima ao palácio disse à CNN internacional que sua pernoite no hospital “não estava relacionada à Covid”.

    Na sexta-feira (29), o Palácio de Buckingham afirmou que a rainha foi aconselhada a descansar por mais duas semanas, acrescentando que ela estava realizando “tarefas leves” em Windsor.

    “Os médicos de Sua Majestade aconselharam que ela continuasse a descansar pelo menos nas próximas duas semanas”, disse o palácio em um comunicado, acrescentando: “Os médicos informaram que Sua Majestade pode continuar a realizar tarefas leves e de escritório durante este tempo, incluindo algumas audiências virtuais, mas não para realizar quaisquer visitas oficiais”.

    O rompimento da rainha com os compromissos reais significa que ela não participará mais de uma recepção que ela deveria receber para marcar a abertura da cúpula das Nações Unidas sobre mudança climática, a COP26, que começou na Escócia nesta segunda-feira.

    Em vez disso, ela será representada por outros membros da família real – Príncipe Charles, Camilla, Duquesa da Cornualha, bem como o Duque e a Duquesa de Cambridge.

    Este é um texto traduzido. Para ler o original em inglês, clique aqui.

    Mais Recentes da CNN