Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Republicanos terão maioria na Câmara dos EUA, diz projeção; democratas mantêm Senado 

    Partido Republicano chega ao número de 218 deputados com eleição de representante na Califórnia 

    Marcelo Tuvucada CNN

    em São Paulo

    O Partido Republicano chegou ao número de 218 deputados federais na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, de acordo com projeção da CNN, e confirmou, assim, que terá a maioria na Casa. Os democratas, entretanto, mantêm o controle do Senado.

    A vitória que deu aos republicanos o 218º deputado veio com Mike Garcia, eleito em um distrito da Califórnia.

    Os democratas têm 208 cadeiras, restando ainda nove disputas que estão sendo apuradas desde o último dia 8, data das eleições de meio de mandato.

    O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, parabenizou os adversários pela conquista da maioria e disse que está “pronto para trabalhar com os republicanos da Câmara para fornecer resultados para as famílias trabalhadoras” do país.

    No Senado, definido desde o sábado (12), os democratas ficaram com 50 cadeiras, contra 49 dos republicanos. Há uma cadeira que segue em disputa entre os partidos – na Geórgia, onde haverá disputa de segundo turno, em 6 de dezembro -, mas o controle já é dos aliados de Joe Biden; nos Estados Unidos, é o vice-presidente do país (a democrata Kamala Harris) que preside o Senado e dá o voto de desempate.

    Apesar de confirmar a retomada da Câmara — que teve maioria republicana, mais recentemente, entre 2010 e 2018 –, o partido do ex-presidente Donald Trump esperava um desempenho melhor nas eleições de meio de mandato, que renovam todas as cadeiras de deputados a cada dois anos.

    Mesmo sem a confirmação de todos os resultados, as urnas mostraram que nenhum dos dois partidos terá uma maioria significativa em alguma das Casas do Congresso. Pesquisas eleitorais indicavam a possibilidade de uma “onda vermelha”, que levasse a uma vantagem ampla dos republicanos tanto na Câmara quanto no Senado.

    Até agora, os republicanos conquistaram 18 cadeiras que eram dos deputados democratas, que tiraram seis lugares dos opositores. No Senado, onde 35 das 100 cadeiras estiveram em disputa neste ano, houve apenas uma troca até agora: com a vitória de John Fetterman na Pensilvânia, os democratas conquistaram uma vaga que era dos republicanos.

    * Com informações de Nikki Carvajal e Stephen Collinson, da CNN